Desastre em Fukushima resultou em espécie única de javali-porco

Publicado em 2 de julho de 2021, em Sociedade

Estudo genético sobre javalis selvagens que circulam em uma área abandonada após o desastre nuclear de 2011 revelou como os animais prosperaram.

Neste Artigo:
&nbspDesastre em Fukushima resultou em espécie única de javali-porco
Ilustrativa (banco de imagens)

“Assim que as pessoas se foram, os javalis assumiram”, explica Donovan Anderson, pesquisador da Universidade de Fukushima no Japão.

Publicidade

Seu estudo genético sobre javalis selvagens que circulam em uma área amplamente abandonada após o desastre nuclear de 2011 revelou como os animais prosperaram.

Usando amostras de DNA, ele também descobriu que javalis se acasalaram com porcos domésticos que escaparam de fazendas.

Isso criou híbridos de javali-porco que agora habitam a zona.

“Enquanto a radiação não tenha causado um efeito genético, a espécie invasiva de porco doméstico sim”, explicou Anderson.

As descobertas, publicadas no jornal Proceedings B, criam uma imagem biológica de um vasto experimento que foi causado por um desastre nuclear.

Os cientistas usaram DNA para rastrear o legado do evento na paisagem – descobrindo o que aconteceu com animais selvagens em uma área contaminada por radiação que é repentinamente abandonada pelos humanos e, ao mesmo tempo, invadida por criação doméstica.

Examinando o DNA do javali selvagem e de porcos domésticos que escaparam mostrou que aquilo que pesquisadores chamaram de “invasão biológica” poderia ser vista nos genes dos javalis.

Também foi revelado que os genes de porcos domésticos foram “diluídos” gradualmente com o tempo.

“Acredito que porcos não era capazes de sobreviver na selva, mas os javalis prosperaram nas cidades abandonadas – porque eles são mais robustos”, explicou Anderson.

Então, disse ele, enquanto a área evacuada tenha sido a origem dessa hibridização, ou cruzamento, os porcos híbridos então continuam a se acasalar com javalis selvagens.

Como pontuou o professor Shingo Kaneko do Instituto de Radioatividade Ambiental da Universidade de Fukushima: “esses genes invasivos estão desaparecendo e a situação natural está voltando”.

Desde 2018, as pessoas começaram a voltar para as áreas anteriormente abandonadas perto de Fukushima.

“Os humanos são realmente os únicos predadores para esses javalis selvagens”, disse Anderson. “Então como as pessoas estão voltando, será interessante ver o que os javalis farão”.

Fonte: BBC


Vamos comentar?

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
EASY CAR RIDE