Tubarões nos rios e praias de Okinawa

Publicado em 16 de junho de 2021, em Sociedade

Os vídeos enviados para uma emissora de tevê mostram filhotes de tubarão. Mas, um pescador foi surpreendido com 2 grandes, de 3 metros cada, na rede.

Neste Artigo:
&nbspTubarões nos rios e praias de Okinawa
Filhote de tubarão no rio em Naha, capital de Okinawa (JNN)

Tubarões têm sido vistos nos rios, canais e praias de Okinawa. Um telespectador enviou um vídeo para a JNN, de um filhote de tubarão, nas águas de uma praia em Ginowan, em 11 deste mês.

Publicidade

Na semana anterior, dia 4, foram vistos tubarões nos canais e rios de Naha, capital.

&nbspTubarões nos rios e praias de Okinawa
À esq. um visto na praia em Ginowan e outro à dir. no canal em Naha (JNN)

A JNN consultou um especialista, o qual analisou as imagens e concluiu se tratar do filhote do tubarão da cabeça chata, que pode chegar a 2 metros de comprimento.

Uma das particularidades dessa espécie de tubarão é que nos primeiros anos de vida, 1 a 2 anos, costuma viver na água doce, por isso não é estranho encontrá-lo nos rios e canais.

“Basicamente, dizem que os tubarões não atacam agressivamente nada maior do que seu comprimento. Por isso, se encontrar um filhote de tubarão no rio, não deve entrar em pânico e, em seguida, recomendo sair da água o mais rápido possível”, disse Taketeru Tomita, especialista da Fundação Okinawa Churashima.   

&nbspTubarões nos rios e praias de Okinawa
Mesma imagem da dir. ampliada à esq. (Okinawa Times)

Mas, os pescadores dessas ilhas tropicais podem ser surpreendidos. Um da Associação Cooperativa de Pesca de Nakijin encontrou logo 2 grandes, da família tubarões-tigre, por volta das 6h30 de 14 de maio, nas águas da ilha Kouri (Kourijima). Estavam presos na sua rede de pesca, cada um com 3 metros de comprimento. 

Ele enviou as fotos para o Okinawa Times e informou que a rede estava rasgada, supondo que outros conseguiram escapar. Ele estava sozinho no navio, por isso, imobilizou os dois com uma corda na cauda e os arrastou até o porto, onde foram retirados com guindaste, ainda vivos.

Alertou sobre a presença desses seres marinhos temidos nas águas de Nakijin, região ao norte da província.

Fontes: JNN e Okinawa Times


Vamos comentar?

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
EASY CAR RIDE