Demissões relacionadas à pandemia passam de 100 mil no Japão

Publicado em 8 de abril de 2021, em Sociedade

A insegurança em relação a empregos deve continuar, principalmente entre trabalhadores nas indústrias manufatureira, varejista e de restaurantes

Neste Artigo:
&nbspDemissões relacionadas à pandemia passam de 100 mil no Japão
Setor de restaurantes foi um dos mais aftetados (ilustrativa/banco de imagens)

Mais de 100 mil pessoas no Japão foram dispensadas ou tiveram seus contratos encerrados sem renovação devido ao impacto da pandemia de coronavírus, de acordo com dados do Ministério do Trabalho divulgados na quinta-feira (8).

Publicidade

O total cumulativo, incluindo aqueles que devem receber tal tratamento, situou-se a 100.425 desde quarta-feira (7), após passar de 50 mil em agosto do ano passado.

Observadores dizem que a insegurança em relação a empregos provavelmente continuará grande, principalmente entre trabalhadores nas indústrias manufatureira, varejista e de restaurantes, afetadas duramente pela pandemia, visto que o país está prestes a enfrentar uma quarta onda de infecções.

O número de dispensas ou encerramentos de contratos aumentaram de forma acentuada após o primeiro estado de emergência do governo por causa do vírus ter sido emitido na primavera passada e levado à estagnação de atividades econômicas.

Após aumentar para cerca de 10 mil a cada mês até agosto de 2020, dispensas e encerramentos de contratos diminuíram para um total de 5 a 6 mil por mês no outono e posteriormente. Entretanto, o número aumentou para mais de 9 mil em março deste ano, o fim do ano fiscal de 2020.

Fonte: Nippon


Vamos comentar?

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão