Tráfico humano no Japão: 55 casos em 2020

Publicado em 12 de março de 2021, em Sociedade

O número de casos identificados pela polícia diminuiu, assim como de vítimas, de ambos os sexos, incluindo estrangeiras.

Neste Artigo:
&nbspTráfico humano no Japão: 55 casos em 2020
Imagem ilustrativa de veículo do Departamento de Polícia Metropolitana (Wikimedia)

A NPA-Agência Nacional de Polícia informou na quinta-feira (11) sobre o relatório dos casos de tráfico humano no Japão, em 2020.

Publicidade

Esse crime de comércio de seres humanos para fins de escravidão ou exploração sexual ou trabalho forçado continua existindo. Foram 55 casos, 2 a menos, envolvendo 58 pessoas. Incluem-se 8 relacionadas a sexo e 5 de gângsters.

O número de vítimas foi de 37, sendo 5 do sexo masculino e 32 do feminino. Por nacionalidade, 30 são japoneses e 7 filipinos. A faixa etária foi inferior a 30 anos, sendo que havia ginasiais entre as vítimas.

Dentre os casos a polícia atuou em um onde uma mulher que frequentava um host club – clube onde homens entretém mulheres – e, por causa de sua dívida das contas não pagas, foi forçada à prostituição. 

Ou, outros de trabalho forçado em estabelecimento comercial, sob violência. 

Fonte: Tokyo Shimbun


Vamos comentar?

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão