Covid-19: Japão deixará que as pessoas escolham a vacina que querem tomar

Publicado em 29 de março de 2021, em Sociedade e atualizado em 31 de março de 2021 as 10:15 AM

Segundo alto funcionário do programa de vacinação, as pessoas poderão escolher a vacina que querem tomar.

Neste Artigo:
&nbspCovid-19: Japão deixará que as pessoas escolham a vacina que querem tomar
O programa de vacinação do Japão foi lançado em fevereiro, iniciando com profissionais da saúde (ilustrativa/banco de imagens)

O Japão deixará que as pessoas escolham a vacina que querem tomar, disse no domingo (28) Fumiaki Kobayashi, alto funcionário da campanha de vacinação.

Publicidade

O governo dará a chance às pessoas ao disponibilizar informação sobre qual tipo de vacina é oferecida em cada local de vacinação, disse Kobayashi, conselheiro do Escritório do Gabinete, em um programa de TV.

Ele disse que algumas pessoas estão relutantes em tomar a vacina devido a preocupações sobre efeitos colaterais. “Criaremos um ambiente onde as pessoas têm uma escolha”, disse Kobayashi.

O programa de vacinação da nação foi lançado em fevereiro, iniciando com profissionais da saúde. A imunização dos idosos deve começar em 12 de abril usando a vacina da Pfizer. A AstraZeneca PLC e a Moderna também pediram que suas vacinas fossem aprovadas no Japão.

Japão retrai plano de oferecer opção de vacinas às pessoas

(Atualização em 31 de março de 2021, às 9h)

O governo japonês retraiu na terça-feira (30) seu plano de oferecer às pessoas uma escolha de qual vacina contra coronavírus elas poderiam receber.

Em um programa de TV transmitido no domingo (28), Fumiaki Kobayashi, que é responsável pela campanha de vacinação sob comando do ministro de reforma regulatória Taro Kono, disse que informações sobre tipos de vacinas disponíveis em cada local de vacinação serão disponibilizadas publicamente e portanto as pessoas “poderão selecionar uma dose de vacina ao escolher um local de vacinação”.

Em uma coletiva de imprensa na segunda-feira (29), o secretário-chefe do gabinete, Katsunobu Kato, não negou o plano revelado por Kobayashi.

“Estamos considerando oferecer um tipo de vacina em um local de inoculação, em princípio, “se várias receberem

Mas em uma coletiva na terça-feira, Kono, responsável pelo lançamento de vacinas, retraiu as observações de Kobayashi e pediu desculpas.

Fonte: Japan Times, Nippon


Vamos comentar?

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão