Sinal vermelho em Osaka: estado de emergência médica

Publicado em 4 de dezembro de 2020, em Sociedade

O governador declarou situação de emergência médica e fez um apelo à população para conter o aumento do número de infectados.

Neste Artigo:
&nbspSinal vermelho em Osaka: estado de emergência médica
Governador de Osaka mostra placa da declaração de estado de emergência médica (NHK)

A província está com uma taxa de ocupação dos leitos de 66%, bem próxima dos 70%, o índice para o sinal vermelho, de acordo com o chamado modelo de Osaka

Publicidade

No começo da noite de quinta-feira (3) o governador Hirofumi Yoshimura, após reunião com a sede de contramedidas da província, declarou situação de emergência médica. Explicou que o número de pacientes gravemente enfermos aumentou rapidamente e o sistema médico da província está tenso.

Até quinta-feira a noite o número de pacientes em tratamento era de 4.568. 

“Pode ser que o pico da infecção tenha passado mas o número de pessoas gravemente doentes aumentará mais tarde. Não haverá redução desses pacientes em estado grave se não houver diminuição do número de novas pessoas infectadas”, disse, em relação ao novo coronavírus. 

Yoshimura não declarou situação de emergência na província mas fez um pedido especial à população para se abster de sair sem necessidade até 15 deste mês. “Para preservarmos a vida, controlar a infecção, peço colaboração para frear esta situação”, apelou.

O prefeito da cidade de Osaka também pediu para as pessoas que trabalham voltarem cedo para casa, evitar contato com outras e preservar a saúde dos idosos e quem tem doenças adjacentes. 

É possível que o pedido de encerrar o expediente mais cedo nos estabelecimentos que servem bebida alcoólica, período marcado até 11 deste mês, seja estendido até 15.

Depois de seu pronunciamento dois dos símbolos de Osaka foram iluminados em vermelho, a torre Tsutenkaku em Naniwa-ku e a Torre do Sol, em Suita.  

&nbspSinal vermelho em Osaka: estado de emergência médica
Dois dos símbolos de Osaka com iluminação em vermelho para lembrar a população (Asahi)
Fontes: NHK, Mainichi e Asahi 


Vamos comentar?

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Produtos Brasileiros no Japão