Novo coronavírus em Gunma: governador e diplomatas brasileiros em ação

Publicado em 15 de outubro de 2020, em Sociedade

Incluindo a coexistência multicultural o governo local junto com o embaixador e cônsul-geral do Brasil, fizeram uma declaração conjunta para prevenção da infecção.

Neste Artigo:
&nbspNovo coronavírus em Gunma: governador e diplomatas brasileiros em ação
Embaixador Saboia entrega ao governador um símbolo dos 2 países, de flores de cerejeira e ipê (Sankei)

O quadro da infecção pelo novo coronavírus na província de Gunma, até quinta-feira (15) é de 763 pessoas infectadas no total e 19 mortes. 

Publicidade

Ainda que os números tenham reduzido, a situação é imprevisível. 

Com o acentuado percentual de estrangeiros infectados entre 10 a 16 de setembro e 18 a 24 do mesmo mês, com 70% e 80% em cada período, como brasileiros e peruanos, o governador da província buscou ajuda procurando os diplomatas brasileiros.

A maioria deles mora nas cidades cujos centros de saúde ficam em Isesaki, Ota e Tatebayashi. O que se levantou foram os hábitos peculiares dos estrangeiros, como abraços para os cumprimentos, como pano de fundo da disseminação da infecção. Embora sejam distribuídos avisos em português, o governo decidiu que necessitava de outras medidas.

Embaixador e cônsul visitam governador

&nbspNovo coronavírus em Gunma: governador e diplomatas brasileiros em ação
Da esq. p/ dir. Cônsul-geral, Embaixador e Governador (fan page do Gunma One-stop Center)

Na quarta-feira o Embaixador do Brasil no Japão, Eduardo Paes Saboia, e o Cônsul-Geral, João de Mendonça Lima Neto, visitaram o governador Ichita Yamamoto.

As 3 partes anunciaram cooperação mútua para a prevenção da disseminação dentro da comunidade verde amarela, composta de 12.600 residentes, segundo dados de dezembro de 2019. 

Na declaração foram incluídas as seguintes palavras: “darão atenção ao aperfeiçoamento da educação e da qualificação de um modo geral da comunidade brasileira, bem como aos seus direitos humanos básicos, tais como garantia do trabalho digno, e ainda, que unirão esforços para combater e superar o atual momento da crise gerado pelo Covid-19.”

O cônsul manifestou que gostaria de prosseguir concretamente com essas formas de cooperação e demonstrou intenção de continuar visitando a província.

O embaixador entregou ao governador um presente, em formato de árvore, com as duas flores que simbolizam os dois países, de cerejeira e ipê.

O governador já recebeu também visitas de cortesia dos embaixadores da China, Vietnã e Fiji.

Na página do Centro Comunitário Multicultural de Oizumi estão publicadas as mensagens dos 3 embaixadores: Brasil, Peru e Bolívia (toque aqui para ler).

Outro local onde há informações é na fan page Gunma One-stop Center, em português (toque aqui para ver).

&nbspNovo coronavírus em Gunma: governador e diplomatas brasileiros em ação
À esq. o acordo e à dir. mensagem
Fontes: divulgação e Sankei 


Vamos comentar?

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Produtos Brasileiros no Japão - Mugen Foods
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Produtos Brasileiros no Japão