Japão fecha contratos com fabricantes para oferecer vacina gratuita contra novo coronavírus

Publicado em 30 de outubro de 2020, em Sociedade

O governo informou sobre a compra de vacinas de uma empresa farmacêutica americana, atualmente com a 3.ª fase de testes clínicos concluída.

Neste Artigo:
&nbspJapão fecha contratos com fabricantes para oferecer vacina gratuita contra novo coronavírus
Imagem ilustrativa de vacina (Jernej Furman para Flickr)

O MHLW-Ministério da Saúde, Trabalho e Bem-Estar anunciou que assinou um contrato para fornecer 25 milhões de unidades até o próximo outono, caso tenha sucesso no desenvolvimento da mRNA-1273, vacina contra o novo coronavírus, em desenvolvimento pela indústria farmacêutica norte-americana Moderna. 

Publicidade

Ela já concluiu a terceira fase de testes clínicos, em 22 deste mês.  

A Takeda Pharmaceutical, do Japão, será a empresa responsável pela importação e venda, caso os testes clínicos dessa vacina sejam bem sucedidos. O objetivo é vacinar 20 milhões de pessoas de janeiro a junho do próximo ano e 5 milhões de julho a setembro. E para isso o contrato foi assinado na quinta-feira (29).

Vacinas de graça e mais 120 milhões de unidades de outras empresas

Na terça-feira (27) o governo informou que o projeto de lei para alterar a Lei de Imunização foi aprovado. Assim, todos da população poderão ser vacinados contra o novo coronavírus gratuitamente. O governo do país assume todos os custos da inoculação sem exigir ônus das administrações locais ou da população.

Até o momento, se as vacinas forem desenvolvidas com sucesso, o ministério receberá um abastecimento de 60 milhões de unidades de cada uma das gigantescas empresas farmacêuticas, a americana Pfizer até o final de junho do ano que vem, e da angla-sueca AstraZeneca, a partir de janeiro do próximo ano. Assim, pretende assegurar 120 milhões de pessoas vacinadas. 

O ministério tem como política garantir vacinas para todos os cidadãos até ao primeiro semestre do próximo ano. “Continuaremos a envidar esforços no sentido de fornecê-las o mais brevemente possível”, comentou.

Fontes: NHK e Sankei 


Vamos comentar?

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Produtos Brasileiros no Japão - Mugen Foods
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Produtos Brasileiros no Japão