Okinawa tem o maior número de infectados a cada 100 mil habitantes

Publicado em 3 de agosto de 2020, em Sociedade

Na lista se incluem Tóquio, Aichi e outras províncias com altos índices também.

Neste Artigo:
&nbspOkinawa tem o maior número de infectados a cada 100 mil habitantes
Imagem ilustrativa de profissional da saúde no combate ao novo coronavírus (Daniel Dan outsideclick para Pixabay)

A proporção dos infectados pelo novo coronavírus a cada 100 mil habitantes serve de indicador para mostrar a epidemia ou surto nas províncias. Tóquio, que pode se tornar o epicentro da epidemia pelo número de casos diários e acumulados, não está no topo do ranking, segundo dados levantados pela NHK, de uma semana. 

Publicidade

Com 14 milhões de habitantes até 1.º de junho, a região metropolitana tem um índice de 15,72, em segunda posição. 

Okinawa, com 1,457 milhão de habitantes (até 1.º de julho), aparece como top do ranking com 18,38 infectados a cada 100 mil pessoas. Portanto, um tanto quanto superior à capital do país e preocupante. Por isso, o governador decretou estado de emergência local. 

Em terceiro vem Fukuoka, em quarto Osaka e Aichi em quinto. Como Tóquio e Osaka, Aichi também tomou medidas restritivas onde há clusters de infecção.

As demais províncias como Miyazaki, Gifu e Quioto apresentam dados de um dígito. 

Em Okinawa o número de pessoas infectadas ultrapassou o de leitos disponíveis para tratamento, em 130%. Por isso, foi providenciado hotel para acomodar pacientes com sintomas leves e assintomáticos, como em Tóquio, Osaka e Nagoia.

Recebimento dos turistas versus controle da infecção

&nbspOkinawa tem o maior número de infectados a cada 100 mil habitantes
Infográfico: NHK

Um outro problema de Okinawa é que nas ilhas mais distantes como Miyako e Ishigaki, onde já têm pessoas infectadas o número de leitos é insuficiente e há temor de contágio entre as pessoas idosas. E também, o mais difícil é conciliar o turismo, base da economia local, com o controle da epidemia. 

Embora as praias não estejam fechadas como da primeira declaração de situação de emergência, há restaurantes e bares fechados temporariamente, além de outras dezenas em Naha e outras cidades que encerraram definitivamente.

Os residentes locais têm evitado de sair sem necessidade, ou seja, estão de quarentena. No domingo (2) foram mais 64 testados positivo, somando 610. Nas bases americanas de Okinawa parece que os surtos diminuíram. No domingo foram 17 novos casos somando 273. 

O Ministério da Saúde, Trabalho e Bem-Estar estabeleceu o índice de igual ou superior a 2,5 diários a cada 100 mil habitantes motivo para solicitar cooperação da sociedade, como evitar de sair de casa.  

Fontes: NHK, Okinawa Times, News Digest e FNN


Vamos comentar?

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Produtos Brasileiros no Japão - Mugen Foods
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Kumon - estude japonês por correspondência!
Produtos Brasileiros no Japão