Mais de 4 milhões de pessoas usaram subsídio do programa Go To Travel

Publicado em 25 de agosto de 2020, em Sociedade

Apesar de preocupações de que o programa poderia levar a um aumento no número de infecções, o governo continuará com ele.

Neste Artigo:
&nbspMais de 4 milhões de pessoas usaram subsídio do programa Go To Travel
Emerald Beach, Okinawa (banco de imagens PM)

O Ministro do Turismo do Japão Kazuyoshi Akaba disse que mais de 4 milhões de pessoas fizeram uso do programa Go To Travel do governo ao longo do último mês.

Publicidade

O programa oferece descontos para custos de viagem com a finalidade de impulsionar o turismo, que vem sendo duramente afetado pelo coronavírus.

Akaba disse aos repórteres na terça-feira (25) que 4,2 milhões de pessoas viajaram sob o programa entre 27 de julho e 20 de agosto.

Segundo ele, muitas pessoas optaram por viagens de carro de curta jornada ao invés de jornadas aéreas de longa distância ou de trem.

Akaba disse que ainda é muito cedo para avaliar o programa, visto que ele vai continuar até o início do próximo ano.

Ele enfatizou a necessidade de continuar os esforços para promover o turismo enquanto toma medidas rigorosas a fim de prevenir infecções para que os viajantes possam se sentir seguros onde quer que eles estejam.

Apesar de preocupações de que a campanha poderia levar a um aumento no número de infecções, o porta-voz do gabinete, Yoshihide Suga, disse na segunda-feira (24) que o governo continuará o programa, enquanto leva em consideração as opiniões de especialistas da saúde e quando necessário para prevenir a propagação do vírus.

“Há 9 milhões de pessoas trabalhando no turismo e podemos dizer que a indústria está morrendo”, disse ele em uma coletiva de imprensa.

Sob o empurrão de turismo no valor de ¥1,35 bilhão, o governo eventualmente subsidiará até metade das despesas de viagem de uma pessoa, incluindo acomodação e taxas de transporte. Inicialmente, ele fornece descontos no valor de 35% dos custos totais.

Os restantes 15% serão cobertos por cupons a serem emitidos após setembro para alimentação, compras e outras atividades de viagem oferecidas nos destinos.

Fonte: NHK, Mainichi


Vamos comentar?

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Produtos Brasileiros no Japão - Mugen Foods
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Kumon - estude japonês por correspondência!
Produtos Brasileiros no Japão