Mitsubishi Motors prevê maior prejuízo em 16 anos em meio à pandemia

Publicado em 29 de julho de 2020, em Sociedade

O CEO da Mitsubishi Motors disse que a companhia está enfrentando um ambiente severo de negócios que nunca vivenciou antes.

Neste Artigo:
&nbspMitsubishi Motors prevê maior prejuízo em 16 anos em meio à pandemia
Devido à pandemia de coronavírus, a Mitsubishi Motors tem seu maior prejuízo em 16 anos (banco de imagens PM)

A Mitsubishi Motors disse na segunda-feira (27) que está prevendo um uma perda líquida de ¥360 bilhões ($3,4 bilhões) para o atual ano fiscal até março, seu maior prejuízo em 16 anos, devido à desaceleração das vendas globais após a pandemia do novo coronavírus.

Publicidade

A montadora, uma parceira de aliança da Nissan Motor e da Renault SA of France, também disse que fechará sua fábrica subsidiária que produz os modelos Pajero e Outlander na província de Gifu no primeiro semestre de 2021 como parte de esforços de reestruturação.

A perda líquida projetada para o ano fiscal de 2020 seria maior do que a do ano anterior de ¥25,78 bilhões, e também a mais considerável desde o ano de negócios de 2004, quando ela registrou ¥474,79 bilhões após contrair custos massivos de recall.

“Estamos enfrentando um ambiente severo de negócios que nunca vivenciamos (devido à pandemia)”, disse o CEO Takao Kato em uma coletiva de imprensa online.

Ao revelar seu plano de negócios até o ano fiscal de 2022, a montadora disse que cortará custos fixos em 20% ou mais através de medidas como solicitação de aposentadoria prévia e controlando novas contratações. Ela também focará seus recursos de negócios em países do sudeste asiático, o mercado núcleo da companhia.

A Mitsubishi Motors continuou a fabricar o modelo Pajero para mercados no exterior após encerrar a produção para o mercado doméstico no ano passado, mas ela suspenderá toda a produção de SUVs depois de fechar sua fábrica subsidiária na província de Gifu.

A produção do Outlander e de outros veículos será transferida para sua fábrica na província de Aichi, disse a companhia.

Fonte: Japan Times


Vamos comentar?

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Produtos Brasileiros no Japão - Mugen Foods
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Kumon - estude japonês por correspondência!
Produtos Brasileiros no Japão