Exército americano informa número de infectados por base no Japão

Publicado em 22 de julho de 2020, em Sociedade

Os números mostram que nas bases de Okinawa estão 90% dos casos de militares norte-americanos com infecção pelo novo coronavírus.

Neste Artigo:
&nbspExército americano informa número de infectados por base no Japão
Imagem ilustrativa: Ryukyu Shimpo

O Ministro da Defesa, Taro Kono, informou na terça-feira (21) sobre os números dos militares norte-americanos infectados pelo novo coronavírus, em 10 das bases dentro do Japão. 

Publicidade

No começo, em março, a gestão do exército americano não se dispôs a fazer divulgação devido ao impacto nas operações das unidades. As Forças Armadas dos EUA no Japão também evitaram o anúncio exato do número de pessoas, mas mudaram sua política devido a críticas de residentes e governos locais em todas as bases. 

A divulgação mostra dados até 16 deste mês, por base, no total de 140 militares infectados. 

  • 1 base em Aomori: Misawa, 3 
  • 3 bases em Kanagawa, 11 casos: 1 em Camp Zama, 8 em Yokosuka e 2 em Atsugi
  • 1 base em Yamaguchi: 3 em Iwakuni
  • 5 bases em Okinawa, total de 123: 64 em Futenma, 51 em Camp Hansen, 5 em Camp Foster, 1 em Camp Kinser, 2 em Kadena

Kono, disse em entrevista coletiva na terça-feira “penso que o Exército dos EUA no Japão está se empenhando para reduzir a ansiedade dos habitantes locais”. A informação será atualizada 1 vez por semana.

Somente em Okinawa já são 148

Como os dados são de 16, em Okinawa, que recebe as informações diariamente, já somam 148 até terça-feira com os 5 novos casos na base de Futenma. 

Fontes: Tokyo Shimbun, Yomiuri e Okinawa Times


Vamos comentar?

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Produtos Brasileiros no Japão - Mugen Foods
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Kumon - estude japonês por correspondência!
Produtos Brasileiros no Japão