Casos de coronavírus em queda no Japão atrasam testes clínicos do Avigan

Publicado em 9 de junho de 2020, em Sociedade

O estudo está sendo conduzido para testar a segurança e eficácia do medicamento em tratar a Covid-19, doença respiratória causada pelo novo coronavírus.

Neste Artigo:
&nbspCasos de coronavírus em queda no Japão atrasam testes clínicos do Avigan
O Avigan é um medicamento candidato para tratar pacientes de Covid-19 (NHK)

A Fujifilm Holdings continuará ensaios clínicos de seu medicamento anti-influenza Avigan, tratamento candidato para o novo coronavírus, além do fim inicialmente programado em junho devido à falta de dados suficientes, disse uma fonte da companhia na segunda-feira (8).

Publicidade

A Fujifilm planejava encerrar o ensaio clínico que ela havia iniciado em março no Japão até o fim deste mês, mas tem visto um atraso porque quedas recentes no número de infecções confirmadas dificultaram chegar à meta de registro de 96 pacientes, disse a fonte.

Ela disse que não sabe quando ensaios clínicos do medicamento, também conhecido como favipiravir, desenvolvido pela sua unidade Fujifilm Toyama Chemical, encerrarão.

O estudo está sendo conduzido para testar a segurança e eficácia do medicamento em tratar a Covid-19, doença respiratória causada pelo novo coronavírus.

No mês passado, o governo japonês desistiu de sua meta de aprovação do medicamento como tratamento para coronavírus, após uma análise provisória de um estudo clínico do Avigan conduzido por uma equipe liderada pela Universidade de Saúde Fujita não ter mostrado eficácia clara no tratamento da doença.

O ministro da saúde Katsunobu Kato disse que governo continuará a buscar aprovação rápida do medicamento quando sua eficácia contra a doença for confirmada através de testes clínicos e estudos.

A Fujifilm está aumentando a produção do Avigan, enquanto o governo separou 13,9 bilhões de ienes em um orçamento extra para o ano fiscal de 2020 destinado a triplicar o estoque nacional do medicamento, suficiente para tratar 2 milhões de pessoas infectadas com o coronavírus.

Como o Avigan inibe a replicação das células do vírus, especialistas dizem que isso pode trazer melhorias naqueles com sintomas leves ou aqueles que foram recentemente infectados.

O medicamento não pode ser administrado a gestantes, visto que pode causar defeitos congênitos.

Fonte: Kyodo News and Culture


Vamos comentar?

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Produtos Brasileiros no Japão - Mugen Foods
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Produtos Brasileiros no Japão