Falências relacionadas ao coronavírus passam de 130 no Japão

Publicado em 13 de maio de 2020, em Sociedade

Empresas que operam nas 13 províncias designadas como regiões de alerta especial contam por 60 por cento do total.

Neste Artigo:
&nbspFalências relacionadas ao coronavírus passam de 130 no Japão
Estabelecimento fechado (ilustrativa/PM)

Uma firma de pesquisa de crédito diz que mais de 130 empresas japonesas declararam falência devido aos efeitos da pandemia de coronavírus.

Publicidade

A Teikoku Databank disse que 81 companhias declararam falência desde a noite de segunda-feira (11). Ela acrescentou outras 52 companhias que estão no processo de liquidação. Portanto, um total de 133 firmas quebrou.

Por indústria, hotéis e pousadas contaram pela maior participação do total, a 33. Restaurantes e bares vêm em seguida, com 13, seguidos por lojas de roupas e de produtos diversos a 12.

Empresas que operam nas 13 províncias designadas como regiões de alerta especial contam por 60 por cento do total, com 28 falências em Tóquio, 14 em Hokkaido 12 em Osaka e 8 em Hyogo.

A firma de pesquisa diz que muitos proprietários escolheram fechar seus negócios antes de contrair dívidas enormes.

Ela disse que suporte a longo prazo a pequenas e médias empresas é indispensável, já que é provável que leve mais tempo até que as atividades de negócios comecem a se recuperar.


Atualização às 17h45 de quarta-feira (13)

Falências passam de 140

A Teikoku Databank disse que a pandemia de coronavírus causou a falência de 142 empresas no Japão.

Segundo a firma de pesquisa de crédito, 87 companhias a nível nacional haviam declarado falência desde a quarta-feira (13).

Outras 55 interromperam seus negócios e iniciaram procedimentos para declarar falência.

Do total, 53 são hotéis ou pousadas no estilo japonês e 41 pubs, restaurantes, lojas de roupas e outras varejistas. Houve também 20 atacadistas e 14 fabricantes.

A firma de pesquisa disse que a maioria dos negócios que faliu já estava passando por dificuldades, mas alguns restaurantes e fornecedores de serviço que estão atualmente fechados poderão nunca reabrir.

Fonte: NHK


Vamos comentar?

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Produtos Brasileiros no Japão - Mugen Foods
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Kumon - estude japonês por correspondência!
Produtos Brasileiros no Japão