Sobe para 88 países que limitam a entrada de viajantes do Japão

Publicado em 19 de março de 2020, em Sociedade

Segundo o Ministério das Relações Exteriores, são 88 países com restrições à entrada para viajantes do Japão, independente da nacionalidade.

Neste Artigo:
&nbspSobe para 88 países que limitam a entrada de viajantes do Japão
Aeroporto internacional de Tan Son Nhat na cidade de Cidade de Ho Chi Minh, Vietnã (PM)

De acordo com a última informação publicada na página web do Ministério das Relações Exteriores são 88 países com limitação à entrada de viajantes do Japão, até quarta-feira (18) por causa da disseminação do novo coronavírus.

Publicidade

Alguns deles têm restrições de entrada e outros com restrições de comportamento pós-entrada, como quarentena.

As restrições de entrada dos viajantes do Japão incluem todos, independentemente da nacionalidade.

88 países com restrição à entrada

Os países em negrito são da América do Sul. Os 88 que limitaram o ingresso são Azerbaijão, Argentina, Antígua e Barbuda, Iêmen, Israel, Iraque, Índia, Ucrânia, Uzbequistão, Equador, Egito, Estônia, El Salvador, Omã, Gana, Cazaquistão, Catar, Canadá, Coreia do Sul, Macedônia do Norte, Chipre, Kiribati, Guatemala, Kuwait, Ilhas Cook, Quênia, Costa Rica, Kosovo, Comores, Colômbia, Arábia Saudita, Samoa, Djibuti, Gibraltar, Geórgia, Síria, Sudão, Espanha, Sri Lanka, Eslováquia, Eslovênia, Guiné Equatorial, Sérvia, Somália, Ilhas Salomão, República Tcheca, Chade , China, Tunísia, Chile, Tuvalu, Dinamarca, Trinidad e Tobago, Turquemenistão, Nauru, Niue, Nepal, Noruega, Ba Lane, Panamá, Vanuatu, Paraguai, Hungria, Bangladesh, Butão, Polinésia Francesa, Belize, Peru, Polônia, Bósnia e Herzegovina, Botsuana, Honduras, Ilhas Marshall, Malásia, Micronésia, Sudão do Sul, Mauritânia, Moldávia, Marrocos, Mongólia, Montenegro, Jordânia, Letônia, Lituânia, Líbia, Libéria, Líbano e Rússia.

89 países com medidas pós-entrada

Alguns podem estar repetidos da lista acima. As medidas pós-entrada estão especificadas por país na página web do ministério, em japonês (toque aqui). São Irlanda, Azerbaijão, Emirados Árabes Unidos, Albânia, Armênia, Irã, Índia, Uruguai, Estônia, Suazilândia, Etiópia, Gana, Guiana, Camarões, Guiné, Chipre, Cuba, Quirguistão, Croácia, Quênia, Austrália, Costa do Marfim, Costa Rica, República Democrática do Congo, São Tomé e Príncipe, Zâmbia, Serra Leoa, Gibraltar, Cingapura, Zimbábue, Eslováquia, Guiné Equatorial, Senegal, Sérvia, São Cristóvão e Nevis, Santa Lúcia, Tailândia, Taiwan, Tajiquistão, China, Chile, Togo, República Dominicana, Turquemenistão , Turquia, Nigéria, Níger, Nova Zelândia, Nepal, Noruega, Bahrain, Panamá, Paraguai, Palestina, Bangladesh, Filipinas (Luzon), Butão, Bulgária, Brunei, Burundi, Estados Unidos, incluindo Guam, Vietnã, Benin, Venezuela, Bielorrússia, Belize, Polônia, Bolívia, Portugal, Hong Kong, Honduras, Macau, Malawi, Mali, Malta, Estados Federados da Micronésia, África do Sul, Mianmar, Mônaco, Maldivas, Moldávia, Montenegro, Laos, Letônia, Lituânia, Libéria, Romênia, Ruanda e Rússia.

Japão também tem restrições

Por outro lado o Japão também tem restrições e pode impedir a entrada de passageiros provenientes de determinados locais e países. 

São os estrangeiros provenientes de determinadas regiões, os quais permaneceram até 14 dias nesses locais, antes do desembarque no Japão.

  • China: províncias de Hubei e Zhejiang
  • Coreia do Sul: algumas localidades mais graves 
  • Irã: algumas localidades mais graves
  • Itália: algumas localidades mais graves
  • San Marino
  • Suíça: Ticino e Basel-Stadt
  • Espanha: Navarra, Basco, Madri, La Rioja
  • Hong Kong: passageiros do navio Weterdam

Na quinta-feira (19) o governo decidiu que viajantes provenientes de 38 países, mesmo sendo cidadão japonês, terão que passar por um período de quarentena (2 semanas) em local designado. 

São de países da UE-União Europeia, Irã, Iraque e Egito.

Fontes: NHK e governo


Vamos comentar?

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Produtos Brasileiros no Japão - Mugen Foods
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Kumon - estude japonês por correspondência!
Produtos Brasileiros no Japão