King Kazu volta para J1 com Yokohama FC aos 52 anos

Publicado em 4 de dezembro de 2019, em Sociedade

O Yokohama FC obteve o passe para passar da J2 para a J1 e o futebolista Kazu Miura, o mais velho em atividade, volta para essa categoria.

Neste Artigo:
&nbspKing Kazu volta para J1 com Yokohama FC aos 52 anos
Kazu com a prefeita de Yokohama (FNN)

Kazuyoshi Miura, 52, futebolista japonês, mais conhecido como King Kazu, visitou a prefeita Fumiko Hayashi, de Yokohama (Kanagawa), para informar que o time Yokohama FC subiu da J2 para a J1. 

Publicidade

Todos os jogadores do clube fizeram uma bela temporada na categoria obtendo o passe para a sonhada J1. Shunsuke Nakamura, 41, considerado um dos maiores batedores de falta com a esquerda, também recebeu aplausos ao entrar no palácio do governo. 

O lendário Kazu volta aos gramados da J1 depois de 13 anos. Ele bateu seu próprio recorde de jogador em atividade com a idade mais avançada do mundo. 

“Me encarando analiso como participar de um jogo, com trabalho duro. Quero me esforçar para poder permanecer um minuto a mais no gramado, sem oscilar a mente”, disse King Kazu.

O veterano futebolista aproveitou para fazer uma solicitação especial para a prefeita. “O estádio precisa de cobertura para os torcedores não se molharem nos dias de chuva, se puder colaborar com isso, agradecemos”. 

Esse estádio é de propriedade da prefeitura e, considerando que agora vai ter partidas da J1, é relativamente pequeno, pois comporta público de 15.440 pessoas. 

Origem do King Kazu é no Brasil 

&nbspKing Kazu volta para J1 com Yokohama FC aos 52 anos
Kazu em campo (Flickr)

Kazuyoshi Miura é natural de Shizuoka (província homônima), foi ao Brasil quando ainda era estudante do 1.º ano colegial, em 1982. Lá passou pelos times do interior e mais tarde se tornou jogador profissional, no Santos, aos 18 anos, como primeiro japonês. Depois passou pelo Matsubara, CRB de Alagoas, XV de Jaú e Coritiba. Em 1990 volta ao Santos e encerra sua carreira no Brasil. 

Recorde de jogador mais velho do mundo

De volta à pátria veste a camisa do Yomiuri, atual Verdy, fazendo uma brilhante carreira. Atuou na seleção japonesa entre 1990 a 2000, foi para o exterior e em 2012 defendeu o país na seleção de futsal. 

De volta ao Japão vestiu as camisas dos times da J2 Kyoto Purple Sanga, Vissel Kobe e Yokohama FC, onde permanece. Aos 49 anos tornou-se o jogador mais velho do mundo a marcar gol, na partida entre Yokohama e Cerezo Osaka. 

No ano seguinte, em 2017, superou o recorde de 1965 do futebolista Stanley Matthews, considerado então o mais velho do mundo. Entrou para a história do futebol mundial. 

Fontes: FNN e Sanspo


Vamos comentar?

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Produtos Brasileiros no Japão - Mugen Foods
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Kumon - estude japonês por correspondência!
Produtos Brasileiros no Japão