FamilyMart testa alternativas para o modelo de funcionamento 24 horas

Publicado em 11 de abril de 2019, em Sociedade

O experimento é em resposta a uma extrema escassez de mão de obra que dificultou para os donos de franquias recrutar funcionários integrais ou a tempo parcial.

Neste Artigo:
&nbspFamilyMart testa alternativas para o modelo de funcionamento 24 horas
Como outras redes de lojas de conveniência, a FamilyMart também enfrenta escassez grave de mão de obra (banco de imagens)

O operador da loja de conveniência FamilyMart recrutará franquias para testar horários de funcionamento reduzidos enquanto a indústria sofre com a escassez de mão de obra que tornou difícil manter o atual modelo 24 horas, soube o Nikkei.

Publicidade

A empresa, subsidiária da FamilyMart Uny Holdings, até junho deste ano, tentará fechar lojas tarde da noite aos domingos em algumas áreas, incluindo partes de Tóquio e da província de Nagasaki.

Ela testará outros horários reduzidos na área sul da província de Akita e em outras áreas de Tóquio, dentre outros locais. Espera-se que várias dezenas das cerca de 270 lojas franqueadas em regiões selecionadas concordem em participar.

Os experimentos deverão durar de três a seis meses. A FamilyMart testará outros possíveis horários, incluindo das 5h à 1h e das 7h às 23h. Dependendo dos resultados, ela vai considerar permitir horários reduzidos em certas regiões ou em dias específicos em uma base a longo termo.

Enquanto alguns locais da FamilyMart no país já tenham testado horários reduzidos, experimentos mais amplos em áreas específicas oferecerão uma imagem mais clara do impacto nas vendas das lojas e lucros, assim como ajudará a empresa a retrabalhar suas redes de distribuição. A FamilyMart também examinará o impacto em seus próprios lucros.

O experimento é em resposta a uma extrema escassez de mão de obra que dificultou para os donos de franquias recrutar funcionários integrais ou a tempo parcial.

O Ministério da Economia, Comércio e Indústria pediu na sexta-feira (5) aos principais operadores de lojas de conveniência, incluindo a FamilyMart e as rivais Seven & Holdings e Lawson, que elaborassem planos para lidar com a escassez de mão de obra.

A Seven-Eleven Japan adotou horários de funcionamento reduzidos em 10 lojas operadas diretamente em caráter experimental no fim de março.

Fonte: Nikkei


Vamos comentar?

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Produtos Brasileiros no Japão - Mugen Foods
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão - Good Support!!
IKAI - Empregos no Japão!
Banco do Brasil