Sífilis: casos passam dos 6 mil no Japão pela primeira vez desde 1970

Publicado em 29 de novembro de 2018, em Sociedade

Os maiores números de pacientes foram registrados em Tóquio, Osaka, Aichi, Kanagawa e Fukuoka.

Neste Artigo:
&nbspSífilis: casos passam dos 6 mil no Japão pela primeira vez desde 1970
A sífilis é transmitida principalmente através de contato sexual (imagem ilustrativa/banco de imagens PM)

Casos de infecção por sífilis relatados no Japão neste ano totalizaram 6.096 a contar de 18 de novembro, excedendo os 6.000 pela primeira vez desde 1970 em uma base anual, de acordo com informações do NIID- Instituto Nacional de Doenças Infecciosas divulgadas na quarta-feira (28).

Publicidade

O número de pacientes que contraiu sífilis foi de 1.548 em Tóquio, o maior entre as 47 províncias do país, seguida por Osaka (1.043), Aichi (399), Kanagawa (314) e Fukuoka (272).

De acordo com o ministério da saúde, o número de pacientes está aumentando acentuadamente entre os homens com idades de 20 e 50 anos e mulheres de 20 e 30 anos. Contudo, a causa do aumento ainda precisa ser identificada.

Com início em janeiro do ano que vem, o ministério vai exigir que médicos informem se seus pacientes que contraíram sífilis fizeram uso de serviços da indústria do sexo sob um sistema de registro obrigatório a fim de identificar a causa da disseminação da doença.

A sífilis (baidoku em japonês) é transmitida principalmente através de contato sexual, causando erupções cutâneas nos pacientes meses após contraírem a doença.

Fonte: Jiji


Vamos comentar?

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Produtos Brasileiros no Japão - Mugen Foods
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão - Good Support!!
UNIP Faculdade à distância
Kumon - Estude japonês!