Família de turista francesa desaparecida chega ao Japão

Publicado em 7 de agosto de 2018, em Sociedade

Três familiares da francesa que desapareceu na cidade de Nikko (Tochigi) chegam ao Japão para auxiliar na localização.

Neste Artigo:
&nbspFamília de turista francesa desaparecida chega ao Japão
Tiphaine Véron, de 36 anos, está desaparecida desde 29 de julho (ANN)

Três membros da família de uma francesa que desapareceu na cidade de Nikko (Tochigi) no final de julho chegaram ao Japão para auxiliar na localização, divulgou a TBS News na segunda-feira (6).

Publicidade

Tiphaine Véron, de 36 anos, não foi mais vista após sair do hotel onde estava hospedada em 29 de julho para fazer trekking. “Acho que minha irmã está viva em algum lugar”, disse Sibylle em uma conferência de imprensa na segunda-feira. “Quero que vocês façam o melhor para encontrá-la”.

De acordo com a polícia da província de Tochigi, Véron chegou ao Japão como turista em 27 de julho. No dia seguinte, ela deu entrada no hotel na área de Takumicho de Nikko para uma estada de duas noites.

&nbspFamília de turista francesa desaparecida chega ao Japão
Familiares de Véron chegam ao Japão para ajudar a encontrá-la. No centro, sua irmã Sybelle (ANN)

Viajando sozinha, Véron saiu do hotel após o café da manhã, por volta das 10h de 29 de julho. De acordo com o gerente do local, ela carregava uma bolsa a tiracolo. Ele não a viu novamente, disse a polícia.

Naquele dia, uma forte chuva provocada pelo tufão Jongdari fez com que os rios transbordassem na central do Japão.

Na manhã do dia seguinte, por volta das 11h, o gerente alertou a polícia. Uma busca no quarto onde ela estava hospedada encontrou seu passaporte e bagagem. Seu celular não está ligado, disse a polícia.

Em uma anotação deixada no quarto constava uma lista de locais turísticos na área, incluindo o Santuário Toshogu.

No domingo (5), a polícia divulgou imagens mostrando Véron. Com um corpo de porte médio, ela tem 1,65m de altura, cabelos curtos e castanhos. Ela também sofre de uma doença não revelada a qual exige que ela tome medicação para evitar desmaios.

Além de Nikko, em seu cronograma estavam incluídas visitas à região Tohoku e Quioto até meados de agosto, disse a polícia.

“Ela gosta muito do Japão”

A polícia está tratando o caso como resultado de assassinato ou um acidente. Até agora, não houve relatos de pessoas que afirmaram ter visto Véron.

“Ela gosta muito do Japão”, disse a irmã de Véron. “Gostaria que ela fosse encontrada antes que o tempo piore”.

As autoridades pedem às pessoas com informações sobre o caso que entrem em contato com a unidade da polícia de Nikko pelo telefone 0288-53-0110.

Fonte: Tokyo Reporter
Imagem: ANN


Vamos comentar?

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Produtos Brasileiros no Japão - Mugen Foods
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão - Good Support!!
UNIP Faculdade à distância
Kumon - Estude japonês!