Segurança reforçada com a vinda de Trump ao Japão

Publicado em 1 de novembro de 2017, em Sociedade

O batalhão conta com uma equipe feminina para zelar pela segurança da primeira-dama. Confira outras atividades antiterroristas em Tóquio.

Neste Artigo:
&nbspSegurança reforçada com a vinda de Trump ao Japão
Trump visitará o Japão entre 5 a 7, acompanhado da esposa Melania e filha Ivanka (NHK)

Às 10h desta quarta-feira (1°) ocorreu a cerimônia de largada do batalhão de choque do Departamento de Polícia Metropolitana, em Chiyoda, Tóquio.

Publicidade

Esse batalhão composto por 1,5 mil especialistas da polícia será responsável para garantir a segurança durante a visita do presidente norte-americano.

&nbspSegurança reforçada com a vinda de Trump ao Japão
Cerimônia de largada para a segurança da visita do presidente Trump (ANN)

Também estão previstos mais de 10 mil policiais de outras especialidades para essa atividade.

Trump visitará o Japão, acompanhado de sua esposa Melania, a primeira-dama, e sua filha Ivanka. Para assegurá-las, um pelotão feminino também foi destacado.

“Pretendemos usar a sensibilidade e o ponto de vista feminino para a atividade de segurança suave e elegante”, declarou a chefe de polícia Reiko Kawamura.

Ela também destacou a importância da atividade de segurança mais detalhada, já com olhos para as Olimpíadas e Paralimpíadas 2020. Nessa ocasião, muitas autoridades do sexo feminino também estarão presentes e a polícia prevê essa necessidade.

&nbspSegurança reforçada com a vinda de Trump ao Japão
Chefe de polícia destacou um batalhão de segurança do sexo feminino (ANN)

Atividades de segurança já começaram

Preparando-se para a visita do presidente e sua comitiva, os policiais já entraram em atividades especiais. Bairros como Chiyoda e Minato, especialmente na área comercial e próximas à estação e ao Palácio Imperial, percebe-se o rigor. O uso de lixeiras que não sejam transparentes estão proibidas, até 7 deste mês.

Todas as atividades que envolvem o uso de elevadores externos e nos terraços dos prédios dessas áreas estão proibidas.

&nbspSegurança reforçada com a vinda de Trump ao Japão
Atividades antiterroristas pelos policiais de Tóquio (Nikkei)

Segurança para evitar ataque terrorista

Cães policiais também estão em ação desde 25 do mês passado, ajudando na vistoria dos coin lockers – armários públicos – dispostos nas estações de trem e metrô da capital. Os mais de mil coin lockers do Aeroporto Internacional de Narita começaram a ser vistoriados na terça-feira (31).

Além disso, o aeroporto não vai permitir o uso de lixeiras até a partida do presidente americano. Todas essas ações são para evitar possível ataque terrorista.

Em março do ano passado, 32 pessoas morreram no ataque terrorista que ocorreu no aeroporto de Bruxelas, na Bélgica. Em junho do ano passado, 45 pessoas morreram no atentado suicida no aeroporto de Istambul, na Turquia.

Fontes: ANN, NHK, Nikkei e Blommberg
Fotos: ANN e Nikkei 


Vamos comentar?

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Produtos Brasileiros no Japão - Mugen Foods
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão - Good Support!!
Easy Car Ride, carros e financiamentos
Kumon - estude japonês por correspondência!