Novo estado de emergência deve custar ¥1 trilhão à economia do Japão

Publicado em 9 de julho de 2021, em Economia

O mais recente estado de emergência para Tóquio e a extensão para Okinawa entrará em vigor em 12 de julho e vai durar até 22 de agosto.

Neste Artigo:
&nbspNovo estado de emergência deve custar ¥1 trilhão à economia do Japão
Notas de ienes (banco de imagens)

O mais recente estado de emergência do Japão que cobre Tóquio, declarado pelo governo na quinta-feira (8), poderia custar à economia cerca de ¥1 trilhão ($9,1 bilhões), de acordo com estimativas de economia.

Publicidade

A decisão do governo de colocar a capital japonesa sob um 4º estado de emergência e estender uma emergência na província de Okinawa cortará o consumo em ¥1,2 trilhão, disse Toshihiro Nagahama, economista chefe no Instituto de Pesquisa Dai-ichi Life.

“É inevitável que devido ao mais recente estado de emergência haverá mais pressão para restringir atividade econômica”, disse Nagahama em um relatório, acrescentando que o número de desempregados deve aumentar em 55 mil nos próximos 3 meses.

O mais recente estado de emergência para Tóquio e a extensão para Okinawa entrará em vigor na segunda-feira (12) e vai durar até 22 de agosto, o que incluiria a duração das Olimpíadas que devem começar em 23 de julho.

Sob um estado de emergência, restaurantes e bares são proibidos, em princípio, de servir bebidas alcoólicas, enquanto que restaurantes que não oferecem álcool são solicitados a fecharem cedo.

Fonte: Mainichi


Vamos comentar?

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
EASY CAR RIDE