Japão registra contração recorde no ano fiscal 2020

Publicado em 18 de maio de 2021, em Economia

A contração recorde anterior foi de 3,6% no ano fiscal de 2008 registrada após a crise financeira global.

Neste Artigo:
&nbspJapão registra contração recorde no ano fiscal 2020
Notas de 10 mil ienes (banco de imagens)

A economia do Japão no ano fiscal de 2020 encolheu reais 4,6% em comparação ao ano anterior, a contração anual mais acentuada em registro, enquanto a pandemia de coronavírus prejudicou o consumo e exportações, mostraram dados do governo na terça-feira (18).

Publicidade

Queda pelo segundo ano consecutivo, a redução no produto interno bruto (PIB) real, o valor total de produtos e serviços produzidos no país para inflação, é a maior contração anual desde 1995, quando dados começaram a ser compilados, de acordo com informações preliminares do Escritório do Gabinete.

A contração recorde anterior foi de 3,6% no ano fiscal de 2008 registrada após a crise financeira global.

A terceira maior economia do mundo contraiu um recorde anualizado de 28,6% no segundo trimestre de 2020 devido ao primeiro estado de emergência do vírus de abril a maio, um recuo que mal foi compensado por crescimentos de 22,9% no trimestre seguinte e 11,6% no quarto trimestre, respectivamente.

Consumo privado, exportações

O consumo privado caiu 6% no ano fiscal até março, visto que as pessoas evitaram sair para comer em restaurantes e viajar por medo de contrair coronavírus.

Exportações de produtos e serviços diminuíram 10,4%, visto que grandes cidades no exterior foram colocadas sob lockdowns rigorosos, prejudicando a demanda por carros e autopeças de fabricação japonesa.

Em relação ao mais recente trimestre até março, o número do PIB foi pior do que a média de projeção de encolhimento de anualizados 4,61% presumida por economistas do setor privado.

Mais contração à frente

Olhando à frente, alguns analistas preveem que o Japão continuará a ver contração no atual período de abril a junho, visto que um outro estado de emergência emitido no mês passado agora cobre Tóquio e 8 províncias em meio à propagação de variantes mais contagiosas do vírus, com o país ficando atrás de grandes economias em seu programa de vacinação.

Dados revisados do PIB para o trimestre reportado e ano fiscal devem ser divulgados em 8 de junho.

Fonte: Mainichi


Vamos comentar?

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão