Impressionante trajetória da Daiso: de venda ambulante a megaempresa global

Publicado em 14 de março de 2019, em Economia

A megaempresa Daiso, conhecida por toda população do Japão, independente da nacionalidade, é também global. Saiba como começou e o tamanho do sucesso.

Neste Artigo:
&nbspImpressionante trajetória da Daiso: de venda ambulante a megaempresa global
Presente em 26 países e nas 47 províncias do Japão, com mais de 5 mil lojas (Daiso)

Quando se fala em loja de ¥100 a primeira imagem é a da Daiso. Não é à toa. Foi pioneira nesse segmento e hoje tem outras concorrentes, mas a sua amplitude é inigualável.

Publicidade

&nbspImpressionante trajetória da Daiso: de venda ambulante a megaempresa global
Hirotake Yano, fundador (Daiso)

A empresa tem quase meio século de fundação, por Hirotake Yano, agora com 75 anos, formado pela Universidade de Chuo, em Tóquio.

Casado jovem, ainda quando era estudante, amargou diversos fracassos profissionais em Hiroshima. Com família para sustentar, já sem saber o que faria, viu um monte de bicicletas em frente a um salão público. Ao se aproximar, eram ambulantes vendendo de tudo um pouco. Resolveu então, entrar como estagiário a fim de aprender.

Aos 29 anos, já independente, montou a Yano Shoten, com venda ambulante de artigos de segunda categoria, panelas e artigos para casa. Nessa época ele nem imaginava que tinha em seu DNA tino para negócios, e dos grandes.

A maior motivação deve ter vindo pelo fato de nascer em uma família cujo pai era médico. Pensando que não queria que seus filhos se envergonhassem dele trabalhou duro.

Preço único “pode ser por ¥100”

A esposa o acompanhava nas vendas ambulantes. De tanto ficar colocando etiquetas de diversos preços e clientes perguntando “quanto custa”, decidiu dar um único preço: ¥100. Assim deixou de dizer “faço por ¥100” passando tudo para a este preço. 

Seu sonho na época era ter uma empresa com faturamento bruto de 100 milhões de ienes. Mas ainda ouvia alguns clientes reclamando da qualidade dos seus produtos. Eis que um dia decidiu “vamos vender coisas boas!”.

Com bons fornecedores os clientes começaram a perguntar “isso também custa só 100 ienes?” e as vendas começaram a decolar.

De bicicleta a caminhão de 4 toneladas carregado de mercadorias, iam de supermercado a outro abrindo feiras de ¥100.

A grande virada

&nbspImpressionante trajetória da Daiso: de venda ambulante a megaempresa global

Já com o nome da empresa de Daiso Sangyo, em 1977, Yano recebeu um convite de um supermercado onde fazia feira, para abrir uma loja no 4.º andar. Tomado de alegria, surpresa e ao mesmo tempo de preocupação, se eles subiriam até lá, abriu a sua primeira loja. Foi em bom tempo. Os poucos funcionários, ele e a esposa, já estavam cansados de andar por aí.

E começou o grande desafio. “Oferecendo bons produtos os clientes vêm”, concluiu. De 1990 a 2000 foi um período de expansão nas 47 províncias. Eram 50 a 60 novas lojas por mês.

&nbspImpressionante trajetória da Daiso: de venda ambulante a megaempresa global

Em abril de 2000 inaugurou uma loja gigante em Machida, na capital do país. Em 2 mil metros quadrados e 5 andares, nasce a Daiso Giga Machida, como uma loja de departamentos de ¥100.

Das 818 lojas em 1989 fechou o ano de 2018 com 3.278 em todo o Japão. Por hora passam por um dos caixas da rede 230 mil clientes. São 1 bilhão de clientes por ano.

&nbspImpressionante trajetória da Daiso: de venda ambulante a megaempresa global
Loja de Shinsaibashi, uma das mais de 5 mil (Flickr)

2001: nova década, conquista outros países

No ano seguinte, em 2001 começou a expansão no exterior. Presente em 26 países, incluindo o Brasil, possui 1.992 lojas.

De ambulante a pequena loja, passou a ter um faturamento bruto anual, cujos dígitos não cabem em uma calculadora comum. São milhares de vezes superior aos sonhados 100 milhões da época. Fechou 2018 com 454,8 bilhões de ienes.

Mas para tanto sucesso não faltam investimentos, especialmente no desenvolvimento de novos produtos. Mensalmente lança 800 novidades, dentre os já 70 mil itens diferentes. Atualmente 99% dos produtos são exclusivos da Daiso.

&nbspImpressionante trajetória da Daiso: de venda ambulante a megaempresa global
Variedade de 70 mil itens (Daiso)

Para tudo isso tem contrato com 8 mil fábricas, espalhadas em 45 países, incluindo o Japão.  

Só para se ter uma ideia da soma das áreas dos depósitos, é equivalente a 16 Tokyo Dome. São 24 estações de distribuição dentro do país e por ano expede 100 mil contêineres para os países onde tem filiais.

Outra área que a diretoria da empresa investe é na gestão de pessoas. O treinamento para atendimento aos clientes é rigoroso. Vozes animadas, positivas e cumprimentos aos clientes de maneira agradável e prazerosa. Fechou 2018 com 21.185 funcionários, já sob a presidência do filho do fundador, Seiji Yano.

Cada povo tem gostos diferentes

Com tantas filiais no exterior há diferenças nos gostos dos consumidores. As lancheiras de obentô são muito populares nos Estados Unidos. Caramelo em Cingapura e as borrachas inusitadas são populares no Brasil.

A filosofia da Daiso é de continuar surpreendendo seus clientes do mundo. “Posso comprar este produto por apenas isso?” é uma das finalidades da empresa. Afinal, quem não tem um ou mais produtos dela em casa?

Fontes: Town Net e Daiso


Vamos comentar?

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Produtos Brasileiros no Japão - Mugen Foods
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão - Good Support!!
IKAI - Empregos no Japão!
Banco do Brasil