Presidente de asilo é acusado de sonegação de imposto

Publicado em 25 de fevereiro de 2021, em Comportamento

Escritório de Taxas de Tóquio acusa duas redes de asilos e o presidente por sonegação de ¥65 milhões em impostos.

Neste Artigo:
&nbspPresidente de asilo é acusado de sonegação de imposto
Imagem Ilustrativa

O Escritório de Taxas de Tóquio iniciou um processo de acusação criminal contra Norio Sendatsu, 69, e as duas redes de asilos administradas por ele.

Publicidade

As redes “Art Assist” e “Nakayoshi Net Yuho” gerem 5 asilos nas províncias de Chiba e Tóquio. Segundo a acusação, há a suspeita da sonegação de cerca de ¥65 milhões de impostos referentes ao valor de residência pago pelos moradores através do seikatsu hogo. As empresas não relataram ao governo esse valor e reportavam despesas necessários exageradas para reduzir o valor dos impostos.

Desde setembro de 2018, a empresa fazia a má prática e escondeu uma renda de ¥270 milhões durante 3 anos.

Nos asilos, moram cerca de 70 idosos com demência, sendo que a maioria recebe o seikatsu hogo. O valor do seikatsu hogo era enviado aos locais pelas autoridades municipais ou sacados da conta dos moradores pelos próprios funcionários.

“Eu escondia o lucro faz uns 10 anos”, disse Sendatsu. O presidente comentou que guardava o dinheiro dentro de uma caixa de papelão do quarto da casa onde mora, e a quantia já soma aproximadamente ¥600 milhões.

“Eu admito que soneguei os impostos”, completa. “Eu guardava o dinheiro porque tinha medo do que podia acontecer. Eu tenho vergonha do que fiz”.

Em entrevista para a imprensa, o presidente relata que declarou a quantia e já devolveu parte do imposto sonegado.

Fonte: Asahi


Vamos comentar?

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão