Japonês é multado após suicídio de estrela da Netflix

Publicado em 1 de abril de 2021, em Notícias do Mundo

O Terrace House foi cancelado após a morte de Hana Kimura em maio de 2020.

Neste Artigo:
&nbspJaponês é multado após suicídio de estrela da Netflix
Hana Kimura fazia parte do reality Terrace House. Ela cometeu suicídio em maio de 2020, aos 22 anos (ANN)

Um homem foi multado em ¥9.000 ($80) por abuso online direcionado a uma estrela japonesa de reality show que tirou a própria vida no ano passado, disseram promotores.

Publicidade

Segundo reportagens, o homem, que não foi identificado, postou mensagens na conta de mídia social de Kimura sobre sua “personalidade horrível” e perguntando “quando você morrerá?”.

Kimura foi alvo de centenas de tuítes abusivos de fãs e críticos diariamente. O reality show, Terrace House, foi cancelado após a sua morte em maio do ano passado.

O Terrace House, coproduzido pela Fuji TV do Japão e distribuído pela Netflix, era popular entre o público global antes de seu cancelamento.

O reality segue a vida de seis jovens que vivem debaixo do mesmo teto enquanto se conhecem e se relacionam.

Nos últimos anos ele ganhou muitos seguidores pelas suas interações autênticas entre membros do elenco e sua relativa falta de drama.

 “Muito brando”

Kimura era uma dos seis membros na mais recente temporada do reality, Tokyo 2019-2020.

Reportagens dizem que o abuso contra Kimura na mídia social piorou após um episódio em particular – transmitido apenas no Japão – em que ela entra em discussão com um colega.

Antes de sua morte, ela teria publicado imagens de automutilação no Twitter junto com mensagens as quais sugeriram que ela estava angustiada.

Reportagens citando a polícia dizem que o homem, não identificado, vinha postando cada vez mais mensagens abusivas em sua conta de mídia social.

Ele foi acusado pelo crime de “insultos”. Sob a lei japonesa, a pena máxima que pode ser imposta sobre essa acusação é ¥9.999.

Há uma acusação mais grave de “difamação”, sob a qual um indivíduo poderia ser multado em até ¥500 mil. Não está claro por que a pena mais leve foi aplicada a essa situação.

A decisão levou a comentários na mídia social de que a punição foi leve demais.

Após a morte de Kimura, o Ministério de Comunicações do Japão começou a analisar medidas para facilitar que alvos de difamação online obtenham informações sobre seus críticos, de acordo com o Japan Times.

Fonte: BBC


Vamos comentar?

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão