Viagens aéreas globais não vão se recuperar até 2024, diz órgão da indústria

Publicado em 30 de julho de 2020, em Notícias do Mundo

A IATA culpou a lenta recuperação a vários fatores, incluindo falta de confiança do consumidor e aumentos de casos de coronavírus nos EUA e em outros lugares.

Neste Artigo:
&nbspViagens aéreas globais não vão se recuperar até 2024, diz órgão da indústria
Placa de chegadas internacionais no Aeroporto Internacional de Kansai (banco de imagens PM)

Viagens aéreas globais não vão se recuperar da crise da Covid-19 até 2024, anunciou a Associação Internacional de Transportes Aéreos (IATA) na terça-feira (28).

Publicidade

Isso é um ano depois da projeção anterior feita pelo órgão de linhas aéreas.

A IATA, que representa 290 companhias aéreas, culpou a lenta recuperação a vários fatores, incluindo falta de confiança do consumidor, declínio de viagens a negócios e novos aumentos de casos de coronavírus nos EUA e em outros lugares.

A previsão de linha de base revisada é que o tráfego de passageiros internacionais cairá 55% em 2020, comparado a 2019. Em abril, a IATA havia previsto uma queda de 46%.

O número de passageiros deve aumentar 62% no ano que vem, mas ainda estará em baixa de quase 30% comparado às épocas pré-Covid, com uma recuperação completa aos níveis antes da pandemia fora de cogitação até 4 anos a partir de agora.

“O tráfego de passageiros chegou ao fundo em abril, mas a força de uma recuperação foi muito fraca”, disse Alexandre de Juniac, diretor-geral e CEO da IATA em uma declaração. “Uma melhoria que vimos foi nos voos domésticos”.

Como esperado, viagens de curta distância devem se recuperar mais rápido do que as de longo curso – devido aos níveis de conforto de passageiros, mas também porque os mercados internacionais continuam amplamente fechados.

A IATA diz que avanços científicos no combate à Covid-19, incluindo o desenvolvimento de uma vacina de sucesso, poderiam permitir uma recuperação mais rápida. Mas por enquanto, o futuro parece desolador.

Fonte: CNN


Vamos comentar?

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Produtos Brasileiros no Japão - Mugen Foods
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Kumon - estude japonês por correspondência!
Produtos Brasileiros no Japão