Fumantes podem correr menos risco de infecção pelo coronavírus

Publicado em 29 de abril de 2020, em Notícias do Mundo

Ainda é uma teoria baseada no resultado de uma investigação feita por pesquisadores na França. Não se pode ir na contramão da OMS.

Neste Artigo:
&nbspFumantes podem correr menos risco de infecção pelo coronavírus
Cigarro (PM)

Essa teoria de que os fumantes podem correr menos risco de infecção pelo temido novo coronavírus parece conspiratória. 

Publicidade

Mas o Hospital Pitié-Salpêtrière, de Paris, na França, divulgou em 24 deste mês que é possível que a nicotina possa suprimir a infecção pelo Covid-19.

Uma equipe do hospital pesquisou 343 pacientes infectados e 139 pessoas com sintomas leves, e descobriu que a porcentagem de fumantes era de apenas 5%, bem abaixo do percentual de fumantes, cerca de 35% na França. 

Pode-se pensar que o resultado foi uma questão de sorte, mas essa teoria ou tendência foi confirmada fora da França também.

De acordo com um artigo acadêmico americano, The New England Medical Journal, a porcentagem de fumantes em mil pessoas infectadas na China é de 12,6%, mas a porcentagem de fumantes habituais na população em geral na China é Cerca de 26%. Isso mostra que a taxa de fumantes de pessoas infectadas é muito menor.

Com base nesses resultados, a equipe de pesquisa levantou a hipótese de que “a ligação da nicotina aos receptores celulares pode impedir o vírus de invadir as células e se espalhar pelo corpo”. Está aguardando a aprovação das autoridades sanitárias francesas para realizar mais ensaios clínicos.

Esse primeiro resultado vai na contramão do que os médicos do mundo enfatizam “fumar aumenta o risco de contágio pelo novo coronavírus”. 

Em 20 de março a OMS-Organização Mundial da Saúde emitiu uma mensagem ao mundo pedindo para as pessoas não fumarem, pois representa um risco de exacerbação se for infectado. 

Da mesma forma a Associação Médica Metropolitana de Tóquio e a Sociedade Respiratória Japonesa informaram que o fumante tem mais risco de pneumonia.

E o comediante Ken Shimura que morreu, vítima da pneumonia, após a infecção, era fumante por mais de 40 anos. Há 4 anos amargou um tratamento por causa da pneumonia. O quadro do paciente fumante, com pneumonia, avança e é preciso usar ventilador mecânico para o tratamento.

O fato é que ainda é muito cedo para se deixar levar por essa pesquisa, pois cientistas avançam com outras. Fumar tem seus riscos, por isso, não se pode se deixar levar por esse resultado.

Ainda mais em meio à pandemia e, no Japão, onde fumar em locais públicos está cada vez mais restrito. 

Fonte: IT Media


Vamos comentar?

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Produtos Brasileiros no Japão - Mugen Foods
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Produtos Brasileiros no Japão