Restos mortais de homem desaparecido foram encontrados em carro submerso visível no Google Maps

Publicado em 13 de setembro de 2019, em Notícias do Mundo

O homem desapareceu em 1997 após sair de um clube à noite e nunca mais foi visto. Uma pessoa que navegava na internet e fazia "buscas no Google" viu o carro no lago.

Neste Artigo:
&nbspRestos mortais de homem desaparecido foram encontrados em carro submerso visível no Google Maps
Imagem de satélite do lago onde o carro foi encontrado (Google Maps)

Os restos mortais de um homem que desapareceu há mais de 20 anos na Flórida, nos EUA, foram encontrados dentro de um carro submerso visível no Google Maps.

Publicidade

William Moldt foi dado como desaparecido em Lantana, na Flórida, em 7 de novembro de 1997.

Ele não voltou para casa após passar a noite em um clube quando ele tinha 40 anos de idade.

Uma investigação de pessoa desaparecida foi iniciada pela polícia, mas o caso esfriou.

Em 28 de agosto deste ano – 22 anos depois – a polícia foi chamada por causa de relatos de um carro encontrado em um lago em Moon Bay Cir, em Wellington.

Quando o veículo foi tirado da água, ossos foram encontrados dentro dele. Uma semana depois, os restos mortais foram positivamente identificados como os de Moldt.

O carro submerso de Moldt foi avistado por um antigo residente da área que fazia “fazias buscas no Google”, disse a polícia.

O homem então entrou em contato com um residente atual de Moon Bay Cir para dizer a ele o que tinha visto. Usando seu drone pessoal, o atual residente confirmou que havia um carro no lago e ligou para a polícia.

Um relato feito pelo Projeto Charley, uma base de dados online de casos frios nos EUA, disse que o “veículo estava claramente visível em uma foto de satélite no Google Maps da área desde 2007, mas aparentemente ninguém havia notado ele até 2019”.

O Escritório do Xerife do Condado de Palm Beach disse ao BBC que Moldt deve ter perdido o controle de seu carro e ido parar dentro do lago.

A força disse que, durante a investigação inicial sobre seu desaparecimento, “não havia evidência daquela ocorrência” até recentemente, quando uma mudança na água deixou o carro visível.

“Você não pode determinar o que aconteceu naqueles muitos anos atrás, o que transpareceu”, disse a porta-voz da polícia Therese Barbera.

“Tudo o que sabemos é que ele desapareceu da face da Terra e agora foi encontrado”.

Barbera disse que foi um vizinho que relatou sobre o carro submerso e ela não tinha conhecimento de relatos de que o Google Maps havia sido usado.

Na noite de seu desaparecimento, Moldt saiu do clube por volta das 23h, segundo um relatório do Sistema Nacional de Pessoas Não Identificadas e Desaparecidas.

Moldt, um homem quieto e que não se socializava muito, não parecia estar embriagado e saiu sozinho em seu veículo, enfatizou.

“Ele também não era uma pessoa que bebia com frequência, mas naquele dia havia pedido vários drinks no bar”, disse o relatório.

Moldt havia ligado para sua namorada por volta das 21h30, dizendo à ela que logo estaria em casa, mas nunca mais foi visto.

A família de Moldt foi informada sobre a descoberta de seus restos mortais.

Fonte: BBC


Vamos comentar?

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Produtos Brasileiros no Japão - Mugen Foods
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão - Good Support!!
Easy Car Ride, carros e financiamentos
Kumon - estude japonês por correspondência!