Piloto de férias assume voo após atraso de duas horas

Publicado em 6 de setembro de 2019, em Notícias do Mundo

O piloto estava com sua família a caminho de suas férias em um vooda EasyJet e se ofereceu para pilotar o avião após atraso de 2 horas.

Neste Artigo:
&nbspPiloto de férias assume voo após atraso de duas horas
Uma aeronave da LCC EasyJet (ilustrativa/banco de imagens)

É uma notícia que todo viajante não gosta de ouvir: seu voo sofrerá atraso.

Publicidade

Entretanto, para um voo lotado da EasyJet partindo de Machester (Inglaterra) com destino a Alicante (Espanha) na segunda-feira (2), o anúncio foi seguido por algo inesperado. Para tirar todos do chão, um passageiro pilotaria o avião.

Michelle Potts, que disse estar no voo, escreveu no Facebook que ela havia chegado no aeroporto e aí soube que sua viagem sofreria atraso de algumas horas, então teve que correr para o portão quando viu que a informação havia mudado e o voo estava pronto para decolar.

“Estava embarcando e perguntei ao funcionário no balcão o que estava acontecendo e ele disse que o piloto não tinha aparecido, mas um cara que está no voo vai pilotar o avião”.

O “cara” era Michael Bradley, piloto da EasyJet que estava no voo com sua família a caminho de suas férias.

“Gostaria muito de estar indo para as minhas férias”, disse Bradley, de acordo com um vídeo publicado no Facebook. “E se você precisa de um favor, estou aqui pronto para ir”.

Bradley disse que sua esposa havia dito a ele logo pela manhã que o voo ia sofrer atraso porque a companhia aérea estava sem piloto. Não ficou claro como ela soube desses detalhes, mas um porta-voz da EasyJet disse que a aérea publica informações de atraso em seu site.

A companhia aérea precisou colocar seu pessoal de prontidão na segunda-feira após atrasos terem sido causados por uma falha no computador de tráfego aéreo francês no domingo (1º), disse o porta-voz.

Bradley disse aos passageiros que o voo sofreria atraso de duas horas por causa do tempo que levaria para um comandante ser chamado e chegar ao aeroporto. Mas antes de passar pela segurança, ele disse que decidiu verificar se poderia ser útil. Ele já estava lá, afinal de contas.

Ele disse que ligou para a EasyJet e explicou que “não estava fazendo nada” no terminal e que estava com sua licença e identificação. Ele não estava uniformizado, mas nenhum passageiro pareceu se importar com isso.

Em menos de 1 minuto – 38 segundos para ser exato – seu telefone tocou: “Eles me ligaram e disseram: por favor, por favor, você pode pilotar o avião até Alicante?”

Uma declaração da EasyJet disse que a companhia aérea estava “agradecida” a um de seus pilotos que “se ofereceu para operar o voo”, enquanto estava de férias.

A substituição estava “completamente em linha com os regulamentos”, de acordo com a declaração. Ele estava de folga nos 4 dias anteriores, bem descansado e teve permissão pela lei para voar, disse a aérea.

“Claramente, isso é excepcional, mas mostra o comprometimento e dedicação de nossa equipe querendo fazer um esforço extra”, disse o porta-voz da EasyJet.

Fonte: Washington Post


Vamos comentar?

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Produtos Brasileiros no Japão - Mugen Foods
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão - Good Support!!
Kumon - Estude japonês!