Huawei acusa EUA de ciberataques e ameaças contra funcionários

Publicado em 4 de setembro de 2019, em Notícias do Mundo

A gigante tecnológica chinesa disse que os EUA haviam lançado ciberataques para se infiltrar em suas redes e estava ameaçando seus funcionários.

Neste Artigo:
&nbspHuawei acusa EUA de ciberataques e ameaças contra funcionários
A Huawei se tornou a peça central de um conflito comercial entre os EUA e a China (banco de imagens)

A Huawei acusou o governo dos EUA de “usar todas as ferramentas a sua disposição” para interromper seus negócios.

Publicidade

Em um comunicado de imprensa na terça-feira (3), a gigante tecnológica chinesa disse que os EUA haviam lançado ciberataques para se infiltrar em suas redes e estava ameaçando seus funcionários.

A empresa, que foi colocada na lista negra dos EUA neste ano, não ofereceu evidência para as alegações.

A Huawei se tornou a peça central de um conflito comercial entre os EUA e a China.

Em seu comunicado, a Huawei alegou que os EUA haviam detido seu pessoal ilegalmente, lançando ciberataques para se infiltrar em seus sistemas internos de informações e que agentes da FBI estavam sendo enviados às casas de seus funcionários para pressioná-los a coletar informações sobre a companhia.

“Condenamos fortemente o esforço maligno orquestrado feito pelo governo dos EUA para desacreditar a Huawei e coibir sua posição de liderança na indústria”, disse a empresa.

Não houve resposta de autoridades dos EUA.

A declaração da Huawei foi feita em resposta a uma reportagem do Wall Street Journal a qual disse que a empresa havia sido investigada pelo Departamento de Justiça dos EUA sobre o alegado roubo de patentes de câmeras de smartphone. A gigante chinesa disse em sua declaração que as alegações eram falsas.

A firma veio a simbolizar uma crescente luta pelo poder entre os EUA e a China. As duas maiores economias do mundo têm estado em uma guerra comercial ao longo do último ano.

Os EUA argumentam que a Huawei representa um risco de segurança nacional e colocou a empresa em uma lista negra em maio.

Washington também tenta pressionar seus aliados para rejeitar produtos da Huawei por temores de que eles podem ser usados por Pequim para vigilância.

A Huawei negou isso várias vezes e diz que é independente do governo chinês.

Fonte: BBC


Vamos comentar?

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Produtos Brasileiros no Japão - Mugen Foods
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão - Good Support!!
Kumon - Estude japonês!