Nova variante de Covid-19 ‘híbrida’ é detectada no Vietnã

Publicado em 31 de maio de 2021, em Ásia

Parece ser uma combinação de variantes britânica e indiana e pode se espalhar rapidamente pelo ar.

Neste Artigo:
&nbspNova variante de Covid-19 ‘híbrida’ é detectada no Vietnã
Combinação de variantes do Reino Unido e Índia (ilustrativa/banco de imagens)

O Vietnã detectou uma variante de Covid-19 que parece ser uma combinação daquelas detectadas no Reino Unido e Índia, e pode se espalhar rapidamente pelo ar, dizem autoridades da saúde.

Publicidade

O Ministro da Saúde vietnamita, Ngyuen Long, descreveu a mais recente mutação no sábado (29) como “muito perigosa”.

Vírus sofrem mutação durante todo o tempo e a maioria das variantes são irrelevantes, mas algumas podem tornar o vírus mais perigoso.

Desde janeiro de 2020 quando a Covid-19 foi identificada pela primeira vez, milhares de mutações foram detectadas.

Nguyen disse que a nova variante híbrida era mais transmissível do que versões anteriormente conhecidas, principalmente no ar. Ele disse que ela foi descoberta após realizar testes em novos pacientes, divulgou o jornal online VnExpress.

Ele acrescentou que o código genético do vírus seria disponibilizado em breve.

A variante de Covid-19 identificada pela primeira vez na Índia em outubro passado, chamada de B.1.617.2, é mais transmissível do que a britânica, também conhecida como B.1.1.7, de acordo com especialistas.

Pesquisa sugere que vacinas, como as da Pfizer e AstraZeneca, são altamente eficazes contra a variante indiana após duas doses, mas proteção com somente uma aplicação parece ser reduzida.

Não há evidência de que quaisquer mutações do coronavírus causem doença muita mais grave para a vasta maioria das pessoas.

Assim como a versão original, o risco continua maior para idosos e pessoas com condições de saúde subjacentes.

Mas um vírus sendo mais infecciosos e igualmente perigoso levará em si a mais mortes em uma população não vacinada.

O Vietnã registrou um aumento nos números de Covid-19 nas últimas semanas. O país teve mais de 6,7 mil casos desde o início da pandemia. Desses, mais da metade foi registrada desde abril deste ano.

O país também registrou 47 mortes relacionadas à Covid-19, de acordo com dados da Universidade Johns Hopkins.

Fonte: BBC


Vamos comentar?

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão