Coreia do Sul quer levar decisão de Fukushima para o tribunal internacional

Publicado em 15 de abril de 2021, em Ásia

O Japão revelou planos de despejar no mar mais de 1 milhão de toneladas de água da planta nuclear destruída pelo terremoto e tsunami de 2011.

Neste Artigo:
&nbspCoreia do Sul quer levar decisão de Fukushima para o tribunal internacional
O presidente sul-coreano Moon Jae-in protestou contra a decisão do Japão sobre Fukushima (Wikimedia)

O presidente sul-coreano Moon Jae-in ordenou oficiais na quarta-feira (14) a apresentar uma petição a um tribunal internacional sobre a decisão do Japão em despejar águas da planta nuclear de Fukushima no mar, disse seu porta-voz, em meio a protestos por parte de pescadores e grupos ambientalistas. 

Publicidade

Na terça-feira (13), o Japão revelou planos de despejar no mar mais de 1 milhão de toneladas de água da planta nuclear destruída pelo terremoto e tsunami de 2011, com início em cerca de 2 anos após filtrá-la para remover isótopos prejudiciais.

A Coreia do Sul protestou fortemente contra a decisão, chamando Koichi Aiboshi, embaixador de Tóquio em Seul, e convocando uma reunião de emergência intra-agência para elaborar sua resposta.

Moon, em uma reunião separada na quarta-feira, pediu para estudar maneiras de referir a ação do Japão ao Tribunal Internacional para Lei do Mar.

Uma série de protestos feitos por políticos, autoridades locais, pescadores e ativistas do meio ambiente contra a ação ocorreram na Coreia do Sul na quarta-feira, incluindo em frente à embaixada japonesa em Seul e em consulados na cidade portuária de Busan e na ilha de Jeju.

Fonte: Nippon


Vamos comentar?

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
EASY CAR RIDE