Ônibus na China oferece nova evidência de propagação de coronavírus pelo ar

Publicado em 2 de setembro de 2020, em Ásia

Segundo pesquisadores, as investigações sugerem que, em ambientes fechados com recirculação de ar, o vírus é um patógeno altamente transmissível.

Neste Artigo:
 Ônibus na China oferece nova evidência de propagação de coronavírus pelo ar
Mulher de máscara em ônibus (ilustrativa/banco de imagens PM)

Uma pessoa em um ônibus mal ventilado na China infectou com coronavírus cerca de duas dezenas de passageiros, mesmo elas não estando sentadas uma perto da outra, de acordo com uma pesquisa publicada na terça-feira (1º) que oferece nova evidência de que a doença pode se espalhar no ar.

Publicidade

Inicialmente, autoridades da saúde ignoraram a possibilidade de que simplesmente o respirar poderia lançar micropartículas no ar, mas fez um retorno quando especialistas pressionaram e evidência aumentou.

O artigo publicado em 1º setembro no JAMA Internal Medicine investiga a ameaça de infecção pelo ar ao olhar atentamente passageiros que fizeram uma viagem de 50 minutos a um evento de um templo Budista na cidade chinesa de Ningbo a bordo de dois ônibus em janeiro antes do uso de máscaras ter se tornado rotina contra o vírus.

Pesquisadores acreditam que um passageiro foi provavelmente o paciente zero porque a pessoa teve contato com indivíduos de Wuhan, a cidade onde o vírus emergiu no fim do ano passado.

Os cientistas conseguiram mapear onde os outros passageiros sentaram, e também os submeteram a testes para o vírus, com 23 de 68 a bordo subsequentemente confirmados com infecção no mesmo ônibus.

O notável é que a doença infectou pessoas nas partes da frente e de trás do ônibus, fora do perímetro de 1 a 2 metros que as autoridades e especialistas dizem que gotículas infecciosas podem se espalhar.

Além disso, o passageiro doente ainda não estava apresentando sintomas da doença, como tosse, quando o grupo fez a viagem ao evento religioso.

Pesquisadores também reconheceram que o ar-condicionado simplesmente recirculou o ar dentro do ônibus, o que provavelmente contribuiu para a propagação do vírus.

“As investigações sugerem que, em ambientes fechados com recirculação de ar, o SARS-CoV-2 é um patógeno altamente transmissível”, escreveram eles.

“Nossas descobertas de potencial transmissão pelo ar têm importante significado público”.

O estudo, que inclui um diagrama mostrando onde cada passageiro infectado estava sentado no ônibus, se acrescenta à evidência de transmissão pelo ar, incluindo pesquisa sobre como o vírus se espalhou entre mesas de um restaurante na cidade chinesa de Guanghzou.

Fonte: Straits Times


Vamos comentar?

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Produtos Brasileiros no Japão - Mugen Foods
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Kumon - estude japonês por correspondência!
Produtos Brasileiros no Japão