Japão ‘seriamente preocupado’ com a lei de segurança da China para Hong Kong

Publicado em 29 de maio de 2020, em Ásia

A lei de segurança alimenta temores de que Pequim está impondo sua autoridade e corroendo o alto grau de autonomia que a antiga colônia britânica desfrutou.

Neste Artigo:
&nbspJapão ‘seriamente preocupado’ com a lei de segurança da China para Hong Kong
O principal porta-voz do governo japonês, Yoshihide Suga (NHK)

O Japão está “seriamente preocupado” com a ação do parlamento da China em seguir com a lei de segurança nacional para Hong Kong, a qual observadores temem que poderia pôr e perigo sua autonomia especial e liberdades, disse o ministério de relações exteriores na quinta-feira (28).

Publicidade

Em uma rara declaração emitida minutos após a lei de segurança ter sido aprovada, o Japão também chamou Hong Kong de um “parceiro extremamente importante”, destacando relações econômicas próximas e intercâmbio de pessoas.

“O Japão está seriamente preocupado com a decisão (do parlamento chinês)”, disse o ministério em uma declaração.

“É a política de longa data do Japão em atribuir grande importância na manutenção de um sistema livre e aberto que Hong Kong vem desfrutando e o desenvolvimento democrático e estável de Hong Kong sob o panorama Um País Dois Sistemas”.

O ministério de relações exteriores do Japão convocou o embaixador da China a fim de transmitir sua preocupação com a situação e disse que observaria cuidadosamente maiores desenvolvimentos em Hong Kong.

Em resposta, o embaixador chinês disse que “essa é uma questão em relação à segurança nacional da China, e ele indicou a posição da China sobre o assunto”, disse o ministério de relações exteriores japonês em um visor da reunião.

A lei de segurança do governo chinês para a cidade está alimentando temores de que Pequim está impondo sua autoridade e corroendo o alto grau de autonomia que a antiga colônia britânica desfrutou sob a fórmula “Um País Dois Sistemas” desde que retornou ao regime chinês em 1997.

A China diz que a legislação é destinada a combater a secessão, subversão, terrorismo e interferência estrangeira na cidade, mas o plano, revelado por Pequim na semana passada, causou os primeiros grandes protestos em Hong Kong por meses.

Fonte: Agência Reuters


Vamos comentar?

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Produtos Brasileiros no Japão - Mugen Foods
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Kumon - estude japonês por correspondência!
Produtos Brasileiros no Japão