Kim Jong-un pode estar em estado grave após cirurgia, segundo a CNN

Publicado em 21 de abril de 2020, em Ásia

Recentemente Kim não esteve presente na comemoração do aniversário de seu avô em 15 de abril, o que levantou especulação sobre seu bem-estar.

Neste Artigo:
&nbspKim Jong-un pode estar em estado grave após cirurgia, segundo a CNN
O líder norte-coreano Kim Jong-un (Wikimedia/The Presidential Press and Information Office)

Os EUA estão monitorando a informação de que o líder norte-coreano Kim Jong-un está em estado grave após uma cirurgia, de acordo com um oficial dos EUA com conhecimento direto.

Publicidade

Recentemente Kim não esteve presente na comemoração do aniversário de seu avô em 15 de abril, o que levantou especulação sobre seu bem-estar. Ele havia sido visto 4 dias antes disso em uma reunião do governo.

Um outro oficial disse à CNN na segunda-feira (20) que as preocupações com a saúde de Kim são verossímeis, mas a gravidade é difícil de avaliar.

O Daily NK, um jornal online sediado na Coreia do Sul que tem foco no Norte, divulga que Kim teria sido submetido a um procedimento cardiovascular em 12 de abril.

Kim foi submetido ao procedimento por causa de “fumo excessivo, obesidade e excesso de trabalho”, de acordo com o site de notícias, e agora está recebendo tratamento em uma vila no Condado de Hyangsan.

Após avaliar que a condição de Kim havia melhorado, a maioria dos membros da equipe médica que cuidava dele retornou a Pyongyang em 19 de abril e somente parte deles continuou para supervisionar a situação de sua recuperação, de acordo com o site de notícias. A CNN não conseguiu confirmar o relato independentemente.

O Conselho Nacional de Segurança e o Escritório do Diretor de Inteligência Nacional se negaram a comentar quando procurados pela CNN na segunda-feira. A rede americana também procurou a CIA e o Departamento de Estado para comentários e também buscou observações dos sul-coreanos.

Reunir informações fora da Coreia do Norte é notoriamente difícil – uma das metas mais desafiadoras para a inteligência dos EUA.

A Coreia do Norte controla duramente qualquer informação que rodeia seu líder, que é tratado quase que como uma divindade no país. Suas ausências da mídia estatal oficial espalham especulação e rumores sobre sua saúde. A Coreia do Norte não tem liberdade de imprensa e é geralmente um buraco negro quando se fala na liderança do país. Analistas são profundamente dependentes de escanear relatórios da mídia estatal e assistir a vídeos de propagandas para qualquer aparição de uma pista.

A última vez que Kim apareceu na mídia estatal norte-coreana foi em 11 de abril. O dia 15 – feriado mais importante da Coreia do Norte, o aniversário do nascimento do fundador do país, Kim Il-sung – chegou e foi sem qualquer menção oficial dos movimentos de Kim Jong-un.

Especialistas não têm certeza do que causou a ausência de Kim de quaisquer festividades que celebram seu avô. Quando líderes norte-coreanos não apareceram para essas celebrações importantes no passado, isso prenunciou grandes desenvolvimentos. Mas também não eram nada.

“Houve vários rumores recentes sobre a saúde de Kim (fumo, coração e cérebro). Se Kim está hospitalizado, isso explicaria por que ele não estava presente nas celebrações importantes de 15 de abril”, disse Bruce Klinger, pesquisador sênior na Fundação de Patrimônio e ex-vice-chefe da divisão da CIA para a Coreia do Norte. “Mas, ao longo dos anos, houve vários rumores falsos sobre sua saúde ou de seu pai. Temos que esperar e ver”.

A ausência de Kim Jong-il de uma parada celebrando o 60º aniversário da Coreia do Norte em 2008 foi seguida por rumores de que ele estava mal de saúde. Posteriormente foi revelado que ele sofreu um infarto, após o qual sua saúde continuou a piorar até sua morte em 2011.

Kim Jong-un desapareceu dos olhos do público por mais de 1 mês em 2014, o que também levou a especulações sobre sua saúde. Ele retornou usando uma bengala, e dias depois a inteligência sul-coreana disse que ele teve um cisto removido de seu tornozelo.

“É fácil estar errado sobre isso”, disse John Delury, professor de relações internacionais na Universidade Yonsei em Seul.


Coreia do Sul diz que líder norte-coreano não está em estado grave

O líder norte-coreano Kim Jong-un não estava gravemente doente, disseram duas fontes do governo sul-coreano na terça-feira (21), após relatos de que ele havia sido submetido a um procedimento cardiovascular e estava agora em “estado grave”, divulgou a agência Reuters.

Kim estava recebendo tratamento após ser submetido ao procedimento, reportou uma mídia sul-coreana no fim de segunda-feira (20), em meio à especulação sobre a saúde de Kim após sua ausência de um importante evento de aniversário neste mês.

Os relatos sobre a saúde de Kim não são verdade, disseram duas fontes do governo sul-coreano. A Casa Azul disse que não há sinais incomuns do Norte.

Fonte: CNN, Reuters


Vamos comentar?

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Produtos Brasileiros no Japão - Mugen Foods
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Kumon - estude japonês por correspondência!