Duterte coloca Filipinas sob quarentena

Publicado em 17 de março de 2020, em Ásia

A quarentena domiciliar é uma expansão de um isolamento da área metropolitana de Manila (Metro Manila) na semana passada.

Neste Artigo:
&nbspDuterte coloca Filipinas sob quarentena
O presidente das Filipinas Rodrigo Duterte (Wikimedia/PCOO EDP)

As Filipinas anunciaram rigorosas medidas de quarentena domicilar na segunda-feira (16) para metade de sua população, suspendeu redes de transporte e ordenou que negócios fechassem ou operassem remotamente em uma tentativa de reduzir os crescentes casos de coronavírus.

Publicidade

Em um anúncio transmitido na TV, o presidente Rodrigo Duterte disse que as existentes restrições de viagem e medidas de contenção não foram suficientes para deter a propagação, então era hora de isolar a ilha principal do país para minimizar o contato social e permitir a trabalhadores da saúde que agissem rapidamente para controlar o contágio.

Duterte disse a prefeitos para agirem decisivamente a fim de fazer cumprir quarentenas e disse que aqueles que não acatarem ao isolamento seriam presos pela polícia e pelas forças armadas.

“Não se enganem, estamos na luta por nossas vidas”, disse Duterte.

“Estamos em uma guerra contra um inimigo cruel e invisível. Um que não pode ser visto a olho nu. Nessa guerra extraordinária, todos somos soldados”.

As medidas, se implementadas integralmente, estariam entre as mais rigorosas em curso na Ásia, visto que o país de 107 milhões de pessoas tenta conter um surto que viu casos confirmados aumentarem acentuadamente para 142 – a partir de somente 3 há 10 dias – com 12 mortes.

O Ministro da Saúde disse que cerca de mil testes haviam sido realizados até agora. Até 7 de março as Filipinas estavam há 6 semanas sem um caso confirmado.

A quarentena domiciliar é uma expansão de um isolamento da área metropolitana de Manila (Metro Manila) na semana passada e impôs um rigoroso freio à imigração, toque de recolher, proibições de aglomerações públicas, distância social, fechamento de shoppings e uma interrupção de movimentações desnecessárias para dentro e fora da cidade.

O governo filipino anunciou na segunda-feira um pacote de 27.1 bilhões de pesos (US$524.8 milhões) para combater o coronavírus e fornecer ajuda àqueles afetados por prejuízos econômicos.

De acordo com Duterte foi garantido a ele que havia fornecimentos de alimentos suficientes e disse que operadores privados que operam supermercados, farmácias, clínicas de saúde e bancos ficariam abertos.

Fonte: Agência Reuters


Vamos comentar?

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Produtos Brasileiros no Japão - Mugen Foods
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Kumon - estude japonês por correspondência!