Seis estrangeiros são presos na Indonésia por crimes relacionados a drogas

Publicado em 19 de dezembro de 2019, em Ásia

Mais de 150 pessoas estão atualmente no corredor da morte na Indonésia, a maioria por crimes relacionados a drogas. Cerca de um terço delas são estrangeiras.

Neste Artigo:
&nbspSeis estrangeiros são presos na Indonésia por crimes relacionados a drogas
A Indonésia tem leis antidrogas extremamente rigorosas (ilustrativa/PM)

Autoridades indonésias disseram na quarta-feira (18) que prenderam seis estrangeiros por alegadamente tentar contrabandear drogas para a ilha turística de Bali.

Publicidade

Um suíço, um tailandês, uma singapuriana, um chileno, um tailandês e dois hongkonguianos usando uniformes laranjas de presidiários foram expostos com seu pés e mãos atados em uma coletiva de imprensa em Denpassar, a capital da província de Bali.

Um porta-voz da alfândega para Bali e o escritório regional de Nusatenggara, Wachid Kurniwan, disse que os suspeitos foram presos separadamente desde novembro assim que desembarcaram no aeroporto.

Kurniwan disse que o homem da Suíça foi preso em 4 de novembro com um total de 30.04 gramas de maconha em sua bagagem. Dois dias depois, oficiais da alfândega detiveram um homem da Tailândia com 17.76 gramas de maconha escondida em sua roupa íntima.

Ele disse que a mulher de Singapura foi capturada em 14 de novembro após oficiais da imigração terem encontrado um saquinho de plástico com 0.35 grama de cocaína dentro de seu passaporte, enquanto o homem do Chile foi preso duas semana depois com 77.26 gramas de metanfetamina líquida em sua mala.

O homem de Hong Kong foi preso em 4 de dezembro com 3.2Kg de metanfetamina em sua mala, e seu colega de 19 anos, também de Hong Kong, foi pego na semana passada com 4Kg de metanfetamina enrolados em quatro embalagens de comida de marca para pet em sua mala, disse Kurniwan.

A Indonésia tem leis antidrogas extremamente rigorosas e contrabandistas condenados são por vezes executados por fuzilamento.

Atualmente, mais de 150 pessoas estão no corredor da morte, a maioria por crimes relacionados a drogas. Cerca de um terço delas são estrangeiras.

Em maio, um francês foi condenado à morte em Lombok, uma ilha perto de Bali, por contrabando de 3Kg de ecstasy antes de um tribunal superior ter trocado sua condenação para 19 anos de prisão.

No mês passado, um tribunal em Bali condenou dois tailandeses a 16 anos de prisão pelo contrabando de 1kg de metanfetamina.

Fonte: Asahi


Vamos comentar?

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Produtos Brasileiros no Japão - Mugen Foods
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Kumon - estude japonês por correspondência!
Produtos Brasileiros no Japão