Dengue assola países no sudeste asiático por causa das ‘temperaturas extremamente quentes’

Publicado em 11 de setembro de 2019, em Ásia

Temperaturas extremamente quentes podem ser as culpadas pelo aumento mundial de casos de dengue neste ano.

Neste Artigo:
&nbspDengue assola países no sudeste asiático por causa das ‘temperaturas extremamente quentes’
O Aedes aegypti, mosquito transmissor da dengue (ilustrativa/banco de imagens)

A dengue está assolando o sudeste asiático porque as “temperaturas extremamente quentes” neste ano oferecem os “terrenos de reprodução ideais para mosquitos”, dizem especialistas.

Publicidade

Temperaturas extremamente quentes podem ser as culpadas pelo aumento mundial de casos de dengue neste ano, alertou um professor.

A infecção viral, espalhada por mosquitos, tem “assolado” o sudeste asiático, matando centenas de pessoas.

Só o Vietnã registrou 115.186 casos desde 20 julho, comparado a somente 29.000 para o mesmo período no ano passado, de acordo com números.

As Filipinas também estão vivenciando um surto excepcionalmente severo, levando autoridades da saúde a declará-lo emergência nacional. Houve 146.062 casos desde 20 de julho. Isso se compara a somente 69.000 no mesmo período em 2018.

A Dr. Rachel Lowe, da Escola de Londres de Higiene e Medicina Tropical, alertou que mosquitos se desenvolvem em climas quentes, com julho sendo o mais quente globalmente em registro.

Os sintomas da dengue incluem febre, dor de cabeça forte e dores atrás dos olhos.

Não há cura ou tratamento específico, com a maioria dos casos passando em cerca de uma semana, sem quaisquer complicações persistentes.

Pacientes idosos, ou aqueles com outras condições médicas, podem desenvolver dengue severa.

Isso pode levar à liberação de sangue na urina, falência de órgãos e dificuldades respiratórias – quando os pulmões não podem fornecer oxigênio suficiente aos órgãos vitais.

A pressão sanguínea do paciente também pode cair a níveis perigosos, causando até a morte.

&nbspDengue assola países no sudeste asiático por causa das ‘temperaturas extremamente quentes’
Marcados em verde, os países que fazem parte do sudeste asiático (Wikimedia/Keepscases)

A dengue é “disseminada pelos trópicos” com “variações locais em risco influenciadas pela chuva e temperatura”, de acordo com a Organização Mundial da Saúde – OMS.

A Dr. Lowe disse à agência de notícias AFP que as “temperaturas extremamente quentes que temos observado neste ano” permitiram que o vírus fique mais forte.

O Aedes aegypti é o principal mosquito que espalha a dengue, juntamente com a febre amarela e a zika.

Ele se desenvolve em climas tropicais e se reproduz em locais onde há água parada.

A Tailândia declarou estado de emergência após relatar 43.200 casos de dengue desde 4 de agosto, mostram estatísticas do Centro Europeu para Controle e Prevenção de Desastres – ECDC, na sigla em inglês. Isso se compara a 28.100 para o mesmo período do ano passado.

Desde 20 de julho, o Camboja relatou cerca de 39.000 casos, comparados a 3.000 em 2018.

Laos, Malásia, Singapura e Taiwan também estão vivenciando altos números de casos de dengue.

E não é somente a Ásia que está sendo afetada. Desde 3 de agosto, mais de 2 milhões de casos suspeitos e confirmados estavam concentrados na “região das Américas”, de acordo com a Organização Pan- Americana de Saúde.

Isso é quase quatro vezes mais do que as 584.263 incidências em 2017 a 2018, de acordo com estatísticas da OMS. Brasil, Colômbia, Honduras e Nicarágua são os mais afetados, de acordo com o ECDC.

As infecções por dengue estão em alta desde os anos 1970 por causa da subida das temperaturas e temporadas irregulares de monções, as quais estão ligadas à mudança climáticas, divulgou o Yahoo.

A infecção também tende a ocorrer em cidades populosas, estimulando surtos em metrópoles como Rio de Janeiro e Hon Chi Mihn.

Viagens internacionais também permitiram que o vírus fosse transportado por todo o globo a novas populações vulneráveis.

Alguns especialistas até culpam os contêineres de plástico, piscinas e vasos de plantas por oferecer o local ideal para os mosquitos se reproduzirem.

Fonte: Daily Mail


Vamos comentar?

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Produtos Brasileiros no Japão - Mugen Foods
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão - Good Support!!
Kumon - Estude japonês!