Japão: descoberta do ‘slow slip’ entre Shikoku a Tokai pode desvendar mecanismo do terremoto

Publicado em 16 de janeiro de 2020, em Prevenção

O fenômeno chamado de ‘slow slip’ foi encontrado pela primeira vez, em 7 pontos, entre Tokai e Shikoku. Pesquisadores explicam sobre ele.

Neste Artigo:
&nbspJapão: descoberta do ‘slow slip’ entre Shikoku a Tokai pode desvendar mecanismo do terremoto
Sete pontos em vermelho na costa entre Tokai e Shikoku com ‘slow slip’ podem ter ou não relação com ocorrência de grande terremoto (NHK)

Pesquisadores da Universidade de Tóquio e da Guarda Costeira do Japão informaram na quarta-feira (15) que detectaram pela primeira vez 7 pontos onde ocorrem o fenômeno chamado de slow slip – deslizamento lento, na tradução literal. Os limites das placas tectônicas se movem lentamente no fundo do mar, entre o trecho Shikoku a Tokai

Publicidade

É um fenômeno que vem atraindo atenção por sua relação com os grandes terremotos e espera-se que elucide mecanismos para as medidas de prevenção de desastres. Ainda mais em relação ao temido grande terremoto Nankai Trough.

Esses 7 pontos ficam a cerca de 50 quilômetros da costa, nas águas profundas do Canal de Bungo – entre Kyushu e Shikoku –  e no Estreito de Kii, próximo a Wakayama. 

Ainda não se sabe se esse movimento lento poderá provocar o terremoto Nankai Trough, mas foram constatados deslizamentos de 6 a 8 centímetros nas placas. Eles são tão lentos que não se sente no corpo humano.

As pesquisas prosseguem e poderão chamar à atenção no futuro caso se confirme a relevância para a ocorrência de grande terremoto.

Fonte: NHK 


Vamos comentar?

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Produtos Brasileiros no Japão - Mugen Foods
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Kumon - estude japonês por correspondência!
Produtos Brasileiros no Japão