Danos causados pela chuva e tempestade em Kansai

Publicado em 9 de julho de 2020, em Informações

Tanto as rajadas de vento quanto a chuva intermitente causaram desastres em Kansai, sem vítimas.

Neste Artigo:
&nbspDanos causados pela chuva e tempestade em Kansai
Andaime da obra da prefeitura em queda pela força das rajadas de vento (Mainichi)

Não só em Kyushu e Shikoku ou Tokai ocorreram danos por causa da chuva torrencial. Em Kansai, além da água que caiu sem parar teve também tempestade desde antes do amanhecer de quarta-feira (8).

Publicidade

Por volta das 5h30 o andaime da obra do prédio do novo palácio da Prefeitura de Kashiwara (Osaka) desmoronou. Caiu sobre os trilhos da linha JR Yamatoji, impedindo o tráfego por 100 metros entre as estações Takaida e Kashiwara. Além disso, houve queda de energia elétrica pelo rompimento dos cabos. Isso fez com que a JR suspendesse a operação, por longas horas, do trecho Oji a Namba.

Nesse momento a rajada de vento era de 24,7 metros por segundo, muito forte. 

Em Quioto (província homônima) ocorreu um deslizamento de terra perto da estação Kibuneguchi da companhia Eizan, bloqueando um trecho da ferrovia. Outro deslizamento foi em Sakyo-ku, de um declive da montanha, cobrindo parte da rodovia 162. Embora não tenha gerado nenhuma vítima 830 casas no trecho entre Sakyo-ku e Kita-ku tiveram corte de energia elétrica.

Por conta da chuva intermitente desde sexta-feira (3) em Tanabe (Wakayama), a encosta de uma montanha colapsou, destruindo o escritório de um santuário xintoísta.

&nbspDanos causados pela chuva e tempestade em Kansai
Deslizamento em Sakyo-ku, cidade de Quioto, bloqueia estrada (MBS)

Em Hidakagawa-cho (Wakayama), também por causa da chuva de sexta-feira um movimento de massa da montanha invadiu uma residência, afetando a estrutura. 

Segundo o observatório local o índice pluviométrico chegou a 600mm em Tanabe, colocando a cidade em risco nos próximos dias também, principalmente com perigo de deslizamentos. 

Nas cidades de Maibara e Nagahama (Shiga) o índice pluviométrico foi de 374 e 243mm, respectivamente, em 72 horas, até a manhã de quarta-feira. Embora não tenha registro de ocorrência de desastres, com a instabilidade do solo, não se pode descuidar com o risco de deslizamentos.

Assista ao vídeo do jornal Mainichi para ver as imagens do andaime caído.

Fontes: Quioto Shimbun, Mainichi, MBS e Sankei


Vamos comentar?

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Produtos Brasileiros no Japão - Mugen Foods
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Kumon - estude japonês por correspondência!
Produtos Brasileiros no Japão