Em quase todo inverno, cerca de mil pessoas morrem em decorrência de hipotermia

Publicado em 5 de fevereiro de 2018, em Saúde, Bem-Estar e Cotidiano

A hipotermia causa mais mortes no Japão do que a insolação.

Neste Artigo:

&nbspEm quase todo inverno, cerca de mil pessoas morrem em decorrência de hipotermia

Publicidade

A hipotermia causa a morte de cerca de mil pessoas quase todo inverno no Japão, 1,5 vez o número de fatalidades em decorrência de insolação, com muitos pacientes idosos se tornando vítimas da condição devido ao isolamento e pobreza, de acordo com especialistas médicos e meteorológicos.

A hipotermia ocorre quando a temperatura interna do corpo cai para menos de 35 graus Celsius, causando desordem em todo o corpo e, ao contrário das crenças em geral, pode ocorrer com frequência quando uma pessoa está dentro de casa.

Hipotermia dentro de casa

Em um dia muito frio no final de janeiro, uma mulher de 80 anos foi levada inconsciente para a unidade de emergência do Hospital Universitário de Teikyo, em Tóquio.

A mulher, que vivia sozinha e sofria de demência, estava em choque com uma temperatura corporal de 26 graus. Um vizinho chamou a ambulância ao encontrá-la desorientada dentro de sua casa.

Uma pesquisa conduzida há quatro anos pela Associação para Medicina Aguda mostrou que das 705 pessoas que haviam sido levadas a 91 unidades de emergência em todo o país, mais de 70%, ou 517, desenvolveram hipotermia enquanto estavam dentro de casa.

A média de idade dos pacientes foi de 72.9 anos com a maioria deles sofrendo de diabetes, pressão alta ou desordem mental. Do total, a taxa de morte situou-se a 161.

Os pacientes não viviam apenas no norte do Japão, onde as temperaturas ficam geralmente abaixo de zero no inverno, mas também nas áreas oeste e sudoeste do país, que são consideradas relativamente quentes.

Uma das maiores causas de hipotermia é a falta de nutrição adequada, principalmente para os idosos, como resultado da pobreza e isolamento, disse Yasufumi Miyake, um professor de emergência médica do hospital Teikyo.

A hipotermia é quase sempre evitável

As pessoas, principalmente os idosos, são aconselhadas a tomar as seguintes precauções:

Manter o ambiente quente

Muitas vezes, os idosos mantêm suas casas a uma temperatura mais baixa do que o desejável como um meio de poupar dinheiro, mas a temperatura deve estar a 20 ºC ou acima. É muito importante que o quarto seja mantido quente.

Usar várias camadas de roupa

A roupa feita de lã ou materiais sintéticos são muito úteis, visto que esses materiais isolam mesmo quando ficam molhados. Como o corpo perde uma grande quantidade de calor pela cabeça, é importante a utilização de uma touca. Os dedos das mãos e os dedos dos pés também devem ser protegidos.

Ingerir alimentos e líquidos quentes

Os alimentos oferecem nutrientes para serem metabolizados e os líquidos quentes fornecem calor e previnem a desidratação.

Evitar bebidas alcoólicas

O álcool dilata os vasos sanguíneos que se encontram na pele, fazendo com que o corpo se sinta temporariamente quente, mas, na realidade, há uma maior perda de calor.

Exercitar-se com frequência, principalmente se estiver frio

O exercício pode aumentar a produção de calor do corpo.

Fonte: Japan Today, Kyodo, Manual MSD
Imagem: Bank Image


Vamos comentar?

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Produtos Brasileiros no Japão