Greve de médicos dificulta combate ao coronavírus na Coreia do Sul

Publicado em 28 de agosto de 2020, em Sociedade

Greve de médicos na Coreia do Sul preocupa especialistas e aumenta as tensões no país.

Neste Artigo:
&nbspGreve de médicos dificulta combate ao coronavírus na Coreia do Sul
Médicos fazem greve na Coreia do Sul

Segundo o governo coreano, nesta quarta-feira (26), foram confirmados 441 novos casos de coronavírus no período de um dia. Esta é a primeira vez em que o número ultrapassa a marca dos 400 desde março. Na capital de Seul, foram 154 pacientes, o maior número já observado.

Publicidade

Como medida de combate ao vírus, o governo anunciou que criaria mais 4.000 vagas para as faculdades de medicina nos próximos 10 anos. A decisão irritou a comunidade de médicos do país, que argumentou que o governo não está dando ouvidos às opiniões dos prestadores de serviços de saúde. Desde então, estão ocorrendo greves de médicos no país.

Na quarta-feira, cerca de 3500 instituições médicas cancelaram as consultas, e os especialistas estão preocupados com o caos que as manifestações podem gerar.

A comunidade de médicos que está realizando a greve explica que o atendimento a pacientes com o coronavírus continuará normalmente. Contudo, o governo coreano ordenou que os médicos que atuam em Seul voltarem aos hospitais e, caso a ordem não for obedecida, há a possibilidade de perderem a licença médica.

Fonte: NHK


Vamos comentar?

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Produtos Brasileiros no Japão - Mugen Foods
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Kumon - estude japonês por correspondência!
Produtos Brasileiros no Japão