Veados: aumento da população e dos acidentes

Publicado em 21 de julho de 2017, em Sociedade

Motoristas devem redobrar cuidados para não causarem acidentes com os veados de Nara.

Neste Artigo:
&nbspVeados: aumento da população e dos acidentes
Veados de Nara sabem lidar bem com os seres humanos, mas não com o trânsito (Sankei West)

Conhecidos como veados, esses dóceis animais são os cervos nipônicos (Cervus nippon), famosos habitantes do Parque de Nara. Eles convivem bem com os seres humanos, pois deles recebem alimentos (senbei). Mas, têm uma dificuldade: lidar com os veículos.

Publicidade

A Sociedade de Proteção dos Cervos de Nara anunciou que terminou a contagem desses animais. Na quarta-feira (19), o anúncio foi de aumento deles, de 43, em relação ao ano anterior. A população dos veados é de 1.498 cabeças.

Veados e os acidentes de trânsito

Apesar da maioria viver dentro do Parque de Nara, 1.226, ou 46 cabeças a mais que o ano anterior, outros têm moradia no Monte Wakakusa.

De 16 de julho do ano passado a 15 de julho deste ano foram contabilizadas 416 mortes, informou a sociedade. As maiores causas foram doença, 206, seguidas de acidentes de trânsito, 91 e outras diversas.

Em um ano, o número de mortes por acidente de trânsito aumentou em 10 casos. “Os acidentes costumam ocorrer nos horários de ida (manhã) ou de volta (final da tarde) do trabalho. Aos motoristas que trafegam nas imediações do parque pedimos encarecidamente que reduzam bem a velocidade”, apela a sociedade.

&nbspVeados: aumento da população e dos acidentes
Vivem soltos no parque e encantam os visitantes; cena na primavera (Wikipedia)
Fonte e foto: Sankei News


Vamos comentar?

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Produtos Brasileiros no Japão - Mugen Foods
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Kumon - estude japonês por correspondência!
Produtos Brasileiros no Japão