Neve intensa continua afetando várias áreas do oeste ao norte do Japão

Publicado em 13 de janeiro de 2018, em Tempo

Mais neve está prevista, informou a AMJ, principalmente em áreas banhadas pelo Mar do Japão.

&nbspNeve intensa continua afetando várias áreas do oeste ao norte do Japão
Desde as 11h deste sábado, na cidade de Ono (Fukui), houve acúmulo de neve de 83 centímetros (NHK/reprodução)

De acordo com a AMJ – Agência Meteorológica do Japão, algumas áreas montanhosas nas áreas oeste ao norte do arquipélago registraram acúmulos de neve de 30 a 50 centímetros nas 24 horas até o meio-dia deste sábado (13).

Publicidade

Desde as 11h deste sábado, na cidade de Ono (Fukui), houve acúmulo de neve de 83 centímetros e em Kitahiroshima (Hiroshima), 128 centímetros.

Já na cidade de Niigata (província homônima) a queda de neve foi oito vezes maior que a média nessa época do ano.

Mais neve está prevista, informou a AMJ, principalmente em área banhadas pelo Mar do Japão. A AMJ fez um alerta sobre estradas congeladas e avalanches.

Na província de Ishikawa, uma mulher de 91 anos foi encontrada morta em um canal de drenagem na sexta-feira (12). Acredita-se que ela tenha caído enquanto fazia remoção de neve. Segundo a província, outras 10 pessoas ficaram feridas enquanto tiravam a neve de suas casas.

A neve pesada na cidade de Sanjo (Niigata) também deixou um trem de passageiros imobilizado por mais de 12 horas na quinta-feira (11). Cerca de 430 pessoas ficaram presas dentro dos vagões.

Segundo a operadora, a East Japan Railways Company, mais de nove horas foram necessárias para um limpa-neves chegar até o local.

Fonte e imagem: NHK


Deixe seu comentário nesta página!

Neste Artigo:

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Produtos Brasileiros no Japão - Mugen Foods
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Empregos no Japão - Team Altas
Fujiarte - Empregos no Japão
WAYSU - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão - World