Aogashima, conheça mais esta incrível ilha no Japão

Publicado em 29 de maio de 2018, em Turismo em Tóquio

Essa pequena ilha vulcânica ostenta paisagens que são difíceis de encontrar em qualquer lugar do mundo. Quer saber um pouco mais sobre ela?

&nbspAogashima, conheça mais esta incrível ilha no Japão
Vulcão dentro de um vulcão (Flickr/Charly W. Karl)

Aogashima é uma pequena ilha vulcânica tropical no Mar das Filipinas, sob a administração de Tóquio, apesar de estar localizada a cerca de 358Km de distância da capital.

Ela é a ilha habitada mais meridional e isolada do arquipélago de Izu. A ilha por ela mesma é uma cratera vulcânica e dentro dessa cratera há uma outra, um vulcão menor.

Aogashima ainda é considerada um vulcão ativo de classe C apesar de ter entrado em erupção pela última vez nos anos 1780.

&nbspAogashima, conheça mais esta incrível ilha no Japão
Localização de Aogashima (Google Maps)

Em sua última erupção, metade dos habitantes da ilha morreram e o restante foi forçado a fugir. Levou-se 50 anos para as pessoas retornarem à ilha. Hoje, há cerca de 160 residentes.

Aogashima é um vulcão submarino que emergiu do mar e faz parte de uma grande cratera cuja borda exterior mede de 200 a 420 metros em altura.

Acredita-se que a ilha tenha sido formada pela sobreposição de resíduos de pelo menos quatro caldeiras submarinas. Aogashima é formada por bordas de crateras interiores e exteriores.

&nbspAogashima, conheça mais esta incrível ilha no Japão
O Monte Maru (Maruyama) no centro (Wikimedia/Soica2001)

A costa sul se expande em uma colina acentuada formando uma ponta de uma caldeira chamada de Ikenosawa com um diâmetro de 1.5Km. A caldeira é ocupada por um cone secundário chamado de Maruyama, que ainda emite vapor geotermal em torno da área.

Ontobu, o pico da borda da cratera exterior, a uma altura de 432 metros acima do nível do mar, é o ponto mais alto na ilha e comanda uma vista panorâmica de todo o vulcão no Oceano Pacífico.

Para desfrutar desse belo local há um pouco de trabalho

Localizada na região Kuroshio de mares abertos e conhecida por geração de ondas de maré, o acesso à ilha é um pouco difícil.

Na verdade, não há uma marina apropriada para ancorar os barcos devido aos penhascos robustos e íngremes de depósitos vulcânicos em camadas que rodeiam a ilha toda. Uma outra opção é usar um serviço de helicóptero.

Tanto o barco omo o helicóptero partem de Hachiojima, a cerca de 60Km de Aogashima. Antes do serviço de helicóptero ser lançado em 1993, o transporte de passageiros, itens essenciais e alimentos costumavam ser feitos somente por barco, e as pessoas não sabiam com certeza quando iam chegar.

Curiosidades

Outra coisa interessante é que as casas em Aogashima não são numeradas. Isso se deve ao fato de que há poucos habitantes e a maioria deles têm o mesmo sobrenome.

A ilha tem uma escola primária. Quando os alunos atingem a idade de 15 eles vão para a ilha principal frequentar o colegial e ninguém sabe quando retornarão a Aogashima.

A vista maravilhosa do céu estrelado

Uma coisa que os visitantes devem fazer se visitarem Aogashima é apreciar o céu estrelado. Embora você possa apreciar as estrelas de qualquer parte da ilha, o melhor local é na costa norte de Aogashima. Não há casas e nem luz de rua, sendo que sua única companhia serão algumas vacas e as estrelas no céu. A vista desse local é tão bela que os japoneses costumam chamá-la de “O Coliseu das Estrelas”.

Acesso

Devido a sua localização isolada, é um pouco trabalhoso ir até Aogashima. A melhor maneira de chegar até lá é tomar um avião no Aeroporto de Haneda com destino à Hachiojima, então transferir para um helicóptero que faz o percurso até Aogashima.

Tóquio (Aeroporto de Haneda) → Hachijojima

  • De avião
    A viagem leva em torno de 55 minutos (os valores mudam conforme a época do ano e a empresa aérea).
  • De barco
    Há um barco disponível também até Hachiojima,  mas a duração da viagem é de aproximadamente 11 horas.
    Para mais informações: Tokai Kisen (toque para abrir, página em japonês e inglês)

Hachijojima → Aogashima

  • De helicóptero
    A viagem leva cerca de 20 minutos e custa 11.530 ienes, feita pela empresa Toho Air Service (Tokyo Airand Shuttle). O helicóptero tem capacidade máxima para 9 passageiros.
    Há somente 1 viagem de ida e volta por dia
    Para mais informações: Toho Air (toque para abrir, em japonês)
  • De barco
    A viagem leva em torno de 3 horas
    Há somente uma viagem de ida e volta por dia
    Para mais informações: Izu Syotou (toque para abrir, em japonês)

Acomodações

Há seis estabelecimentos que oferecem acomodações aos turistas na ilha e uma área de camping. Em média, custa entre 7.000 a 9.000 ienes por noite, incluindo três refeições.

Toque aqui para informações sobre as acomodações (apenas em japonês)

Encante-se com vista aérea dessa ilha:

Fonte: Fast Japan, Amusing Planet
Imagens: Wikimedia, Flickr

Deixe seu comentário nesta página!

Neste Artigo:

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Produtos Brasileiros no Japão - Mugen Foods
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Empregos no Japão - Team Altas
Estude Japonês no Kumon
Fujiarte - Empregos no Japão
WAYSU - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão