Mais 8 locais no Japão agora fazem parte da lista de Patrimônio Mundial da UNESCO

Publicado em 12 de julho de 2017, em Conhecendo o Japão

Mais locais no Japão são adicionados à lista de Patrimônio Mundial da UNESCO. Saiba mais.

&nbspMais 8 locais no Japão agora fazem parte da lista de Patrimônio Mundial da UNESCO
Okitsu-miya Yohaisho (UNESCO)

Uma ilha sagrada e 3 recifes, assim como 4 outros locais relacionados no sudoeste do Japão (Sacred Island of Okinoshima and Associated Sites in the Munakata Region 2017), foram adicionados à lista de Patrimônio Mundial da UNESCO no dia 9 de julho, de acordo com o órgão internacional.

A Organização das Nações Unidas para Educação, Ciência e Cultura decidiu, em uma reunião realizada em Cracóvia (Polônia), listar Okinoshima e recifes próximos, mais outros locais na província de Fukuoka, os quais um painel de revisão preliminar da UNESCO havia recomendado que o Japão desistisse de colocar na lista.

Os 4 locais adicionados à lista de patrimônio cultural em linha com a proposta do Japão incluem antigos túmulos no extremo norte de Kyushu e os pavilhões no Santuário Munakata Taisha. Okinoshima é lar para o Santuário Okitsu-Miya.

Em maio, o painel de revisão preliminar da UNESCO foi contra a adição dos 4 locais, dizendo que eles não têm valor suficiente para o mundo, mas Tóquio persistiu com seu plano.

A decisão de domingo marca o 5º ano consecutivo que patrimônios japoneses foram listados, trazendo o número total dos itens do país na lista de patrimônio cultural e natural para 21.

Okinoshima, ilha que está localizada entre Kyushu e a Península Coreana, preserva regras antigas que limitam a entrada, incluindo uma proibição total em relação à visita do público feminino.

Fonte: Japan Today/ Kyodo
Imagem: UNESCO

Deixe seu comentário nesta página!

Neste Artigo:

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Mudanças para o Brasil
Produtos Brasileiros no Japão
Mugen Homes - Construindo Sonhos
Clínica Dental ai - atendimento em português
UNIP - Ensino à distância no Japão
Baladas no Japão
Empregos no Japão