Cerejeiras do Japão estão sob ameaça de inseto estrangeiro

Publicado em 20 de Março de 2018, em Sociedade

O inseto come troncos e galhos e destrói a cerejeira ou o pessegueiro. Por causa dele, várias cerejeiras someiyoshino tiveram que ser cortadas pela raiz.

&nbspCerejeiras do Japão estão sob ameaça de inseto estrangeiro
Inseto estrangeiro é grande ameaça a um dos símbolos do Japão – sakura (ANN)

Um inseto com nome comprido vem incomodando o Japão, especialmente na época do hanami, espécie de piquenique sob as cerejeiras floridas. O inseto クビアカツヤカミキリ (lê-se kubiakatsuya kamikiri) destrói um dos símbolos do país, sakura.

Em 2012 esse inseto estranho ao Japão foi encontrado em Aichi. Ele gosta especialmente de pessegueiros, ameixeiras e cerejeiras. Seu nome científico é Aromia bungii e tem vários em inglês, os quais traduzidos seriam besouro do pescoço vermelho ou besouro do pessegueiro.

&nbspCerejeiras do Japão estão sob ameaça de inseto estrangeiro
Ele vai comendo os galhos e tronco até secar a cerejeira, pessegueiro ou ameixeira (ANN)

É encontrado na China, Mongólia, Península da Coreia, Taiwan e Vietnã. Por algum motivo entrou no Japão e tornou-se uma ameaça às cerejeiras. Estima-se que tenha vindo junto com a importação de madeira desses países.

Em Soka (Saitama), famosa pela fileira das 450 cerejeiras refletindo no rio, duas árvores tiveram que ser cortadas pela raiz. Os danos se estendem por 8 províncias: Aichi, Tóquio, Saitama, Gunma, Tochigi, Osaka, Wakayama e Tokushima.

&nbspCerejeiras do Japão estão sob ameaça de inseto estrangeiro
Mapa do inseto no Japão (ANN)

Inseto de difícil exterminação

O Instituto Nacional de Estudos do Meio Ambiente, com sede em Tóquio, explica que uma vez que esse inseto invadiu o país, exterminá-lo é difícil. Na China, país de origem, é realizado controle biológico usando nematoides patogênicos.

Cada besouro tem cerca de 2,5 a 4cm. Sabe-se que uma fêmea põe até cerca de mil dos ovos. Há um risco elevado de surto. Cada larva cresce se alimentando do interior das árvores, ao longo de 2 a 3 anos e 10 desses besouros são suficientes para secar uma cerejeira.

Não se pode assegurar que daqui a 100 anos o Japão continue tendo essa quantidade de cerejeiras floridas nesta época do ano.

&nbspCerejeiras do Japão estão sob ameaça de inseto estrangeiro
O tronco da árvore seca por causa do besouro do pescoço vermelho (ANN e Sankei)
Fontes e fotos: NIES, ANN e Sankei

Deixe seu comentário nesta página!

Neste Artigo:

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Produtos Brasileiros no Japão - Mugen Foods
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Empregos no Japão - Team Altas
Empregos no Japão - KOWA
Empregos no Japão - KOWA