Toyota Shatai: paralisação depois do incêndio e atraso da produção

Publicado em 22 de março de 2017, em Economia

Parte da fábrica da Toyota Shatai que sofreu incêndio está com a produção interrompida. Saiba quando poderá voltar e as consequências.

&nbspToyota Shatai: paralisação depois do incêndio e atraso da produção
Bombeiros e polícia dentro da unidade que sofreu o incêndio para perícia (NNN)

No começo da noite de segunda-feira (20), os bombeiros foram acionados para conter o incêndio do quarto andar da unidade II da planta de Inabe (Mie) da Toyota Shatai.

O fogo começou no espaço onde se realiza a pintura e levou cerca de 3 horas para ser contido, segundo o jornal Nikkei. De acordo com informações da CBC TV, a área atingida foi de 400 metros quadrados. Os prejuízos foram materiais, sem nenhuma vítima dos recursos humanos.

Policiais e bombeiros estiveram fazendo perícia, para apurar a causa do incêndio durante todo o dia seguinte. Na terça-feira (21), os veículos de comunicação anunciaram a interrupção da produção dessa unidade, baseados nas informações colhidas da Toyota Shatai. De acordo com a CBC TV, até quinta-feira (23) a produção está interrompida. Segundo o jornal Nikkei, o retorno à produção no dia 24 pela manhã irá ser anunciado somente na quinta-feira, após a verificação das condições.

A unidade I continua operando normalmente, segundo o jornal Chunichi.

Prejuízos na produção da Toyota

A Toyota Shatai, planta de Inabe, é uma das principais bases de produção da montadora, com cerca 200 mil veículos anuais, segundo o jornal Nikkei. Ela é responsável pela produção de vans como Vellfire e Hiace.

De acordo com o jornal Nikkei, veículos como Vellfire e Alphard são produzidos somente na Toyota Shatai. A seção de pintura, onde sofreu incêndio, tinha um rigoroso controle de qualidade para manter o nível mínimo de poeira e sujeira do ar. Para a recuperação de um ambiente como esse pode levar algum tempo e poderá impactar na produção deste ano fiscal. Com o incêndio o efeito na produção é inevitável.

Fontes: Nikkei, Chunichi e CBC
Imagem: NNN

Deixe seu comentário nesta página!

Neste Artigo:

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Mudanças para o Brasil
Produtos Brasileiros no Japão
Mugen Homes - Construindo Sonhos
Clínica Dental ai - atendimento em português
Baladas no Japão
Globo Internacional, mais acessível no Japão