Mistério sobre a morte do Don Juan japonês

Publicado em 6 de junho de 2018, em Crime

Depois de 2 semanas da morte do famoso playboy japonês, empresário de Wakayama, mistério ronda o caso ainda não elucidado.

&nbspMistério sobre a morte do Don Juan japonês
Casa onde o Don Juan japonês foi encontrado morto (Aera e Endia)

Vai fazer 2 semanas que o Don Juan japonês morreu e as investigações estão cercadas de mistério. A causa da morte foi revelada pela polícia: insuficiência circulatória aguda, no entanto ainda não se sabe o motivo. Na tarde de quarta-feira (6) a polícia mudou a causa da morte para intoxicação aguda por droga estimulante.

O empresário e empreendedor playboy Kosuke Nozaki, 77, foi encontrado morto, por volta das 22h30, no dia 24 de maio, em sua residência em Tanabe (Wakayama).

A governanta, 66 anos, e a esposa, 22, foram as pessoas que o encontraram caído. Elas estavam no térreo quando ouviram um barulho e foram até o quarto no segundo piso. Ele estava caído no sofá.

A polícia mandou realizar necropsia. Foi encontrada uma grande quantidade de droga no estômago e no sangue. Como no corpo não havia sinal de picada, os investigadores querem descobrir como teria ingerido. Como e quem colocou a droga na boca dele ainda é um mistério.

Segundo apurou a imprensa japonesa, ele não tomava bebida alcoólica com frequência, não fumava e era avesso às drogas. Fazia exames minuciosos no hospital mensalmente, sempre antenado com sua saúde.

&nbspMistério sobre a morte do Don Juan japonês
O empresário com a esposa 55 anos mais nova, com quem se casou há 3 meses (Aera)

Morte cercada de mistério

O Don Juan de Kishu, como ele mesmo se chamava, era um homem famoso por suas investidas em relação às mulheres bonitas. “Trabalhei e ganhei dinheiro só para conquistá-las”, dizia.

Casou-se com uma modelo em fevereiro deste ano, 55 anos mais nova que ele. A cerimônia que seria realizada em um santuário xintoísta, no mês de março, foi cancelada.

Em 6 de maio perdeu seu cão de estimação chamado Eve. Já tinha programado um evento musical em 11 deste mês para homenagem póstuma.

A governanta afirmou para a imprensa e polícia que quando encerrou seu trabalho às 16h do dia de sua morte, estava bem. Disse para a imprensa que chegou em casa pouco antes das 20h. A esposa estava no banho e depois as duas assistiam à tevê no piso térreo quando ouviram o barulho no quarto e subiram.

Todos os familiares, funcionários, governanta e a esposa foram submetidos a exames e tiveram que depor. Além disso, as residências dos familiares, a casa onde mora e o escritório foram cuidadosamente revistados pelos investigadores.

Ele já teve dois casamentos anteriores e não tem filhos. A herança é incalculável. Supõe-se que seja de 5 bilhões de ienes ou mais. Ele tem negócios no mercado imobiliário e também de bebidas.

No seu livro registrou que já teve 4 mil mulheres lindas e gastou 3 bilhões de ienes com elas. Esclareceu que não faz uso de Viagra, mas que toma diversos suplementos, como os à base de gergelim, entre outros.

A polícia continua investigando o caso sob o aspecto criminal.

Fontes: Sanspo, Aera e Sankei 
Fotos: Aera

Deixe seu comentário nesta página!

Neste Artigo:

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Produtos Brasileiros no Japão - Mugen Foods
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Empregos no Japão - Team Altas
Estude Japonês no Kumon
Fujiarte - Empregos no Japão
WAYSU - Empregos no Japão
UNIP Polo Japão