Assalariados indiciados por caça furtiva

Publicado em 6 de Março de 2018, em Crime

Pescador estranha a presença deles e aciona polícia. Os 3 assalariados pescaram quase 20Kg de lagostas avaliadas em 280 mil ienes.

&nbspAssalariados indiciados por caça furtiva
Assalariados japoneses pescaram as lagostas e foram indiciados (Sankei)

A Divisão de Segurança do Departamento de Polícia Metropolitana anunciou que indiciou 3 assalariados de Aichi nesta terça-feira (6).

Eles são suspeitos de terem praticado caça furtiva. Segundo a polícia, foram flagrados com 55 lagostas, as quais pesam cerca de 19Kg. Se fossem colocadas à venda no varejo obteriam pelo menos 280 mil ienes.

Foram encaminhados para a promotoria para responderem pelo ato de 25 de novembro do ano passado. Os três assalariados japoneses, são colegas de trabalho. Dois deles são residentes em Toyohashi (Aichi), de 56 e 50 anos, e outro em Kosai (Shizuoka), 42. 

De Shimoda (Shizuoka) tomaram um ferry e se deslocaram até a Ilha Nii ou Niijima (Tóquio) para pescar. Um pescador viu um carro estranho, à noite, no porto de pesca e acionou a polícia.

O policial encontrou os três homens com uma caixa de isopor. O conteúdo era das 55 lagostas. Intimados a responder pelo ato, “era só pra gente comer”, teriam argumentado.

A polícia não perdoou. Foram encaminhados como suspeitos de caça furtiva pois não tinham licença da associação dos pescadores. 

Fonte e foto: Sankei 

Deixe seu comentário nesta página!

Neste Artigo:

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Produtos Brasileiros no Japão - Mugen Foods
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Empregos no Japão - Team Altas
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Produtos Brasileiros no Japão